Ipiaú: Polícia Civil distribui ovos de páscoa na Fundação ACM e escolas da zona rural


Fazer a alegria das crianças ao receber um ovo de chocolate nesta Páscoa. Essa foi a intenção da equipe da Delegacia de Polícia Civil de Ipiaú que, através da contribuição dos próprios servidores, distribuíram o item mais tradicional desta época do ano às crianças da Fundação ACM e de escolas da zona rural.Durante a boa ação, que ocorreu na manhã desta sexta-feira (12), a equipe levou dois personagens de coelhinhos, distribuindo ovos da Páscoa e realizando brincadeiras, gerando alegria para crianças que são alunos de escolas da região da Fazenda do Povo e do Bom Sem Farinha e da Fundação Antônio Carlos Magalhães (Antiga Casa do Menor), localizada no centro de Ipiaú.

De acordo com o delegado Rodrigo Fernando, o objetivo da ação social foi aproximar a população da Polícia Civil, contribuindo para uma Páscoa feliz para crianças carentes.

(Bahia em Dia)

Municípios baianos podem aderir ao Programa Crescer Saudável para o enfrentamento à obesidade infantil


Os municípios baianos que participam do Programa Saúde na Escola (PSE) poderão aderir, até o dia 12 de abril, o Programa Crescer Saudável, para o biênio 2019/2020. O Programa consiste em um conjunto de ações a serem implementadas no âmbito do PSE, com o objetivo de contribuir com a prevenção, o controle e o tratamento da obesidade infantil.
Os municípios que aderirem ao programa receberão incentivos financeiros para realizar ações de vigilância nutricional; promoção da alimentação adequada e saudável; incentivo às práticas corporais e de atividade física; e ações voltadas para oferta de cuidados para as crianças que apresentam obesidade. A adesão pode ser realizada através do módulo do PSE, no portal e-Gestor da Atenção Básica.
Segundo o coordenador de Educação Ambiental e Saúde da Secretaria da Educação do Estado, Fabio Barbosa, a adesão reforçará as ações de prevenção à saúde já executadas pelo PSE. “Os municípios deverão atingir as metas a partir de ações como avaliação do estado nutricional dos estudantes; da oferta de atividades coletivas de promoção da alimentação adequada e saudável; e da oferta de atividades coletivas de promoção das práticas corporais e atividades físicas, além de atender aos estudantes identificados com obesidade através de intervenção e cuidado na rede de atenção à saúde do município. Assim, todas as ações visam contribuir para o desenvolvimento integral dos estudantes, sendo fundamental que os municípios baianos façam a adesão e, principalmente, implementem as ações nas unidades escolares”, afirmou.
Adesão ao PSE
Este ano, o Programa Saúde na Escola chegou a 100% de adesão dos municípios baianos, ou seja, as 417 cidades do Estado aderiram ao programa nacional que, na Bahia, é realizado pela Secretaria da Educação do Estado (SEC), em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado (SESAB), com duração de 24 meses e contempla as escolas públicas do município, independentemente da esfera administrativa (estadual, municipal e/ou federal). O objetivo principal do programa é a atenção integral à saúde dos educandos da rede pública, através de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde de forma a empoderá-los para o reconhecimento e, consequentemente, o enfrentamento das situações que os tornam vulneráveis e que possam vir a comprometer o seu pleno desenvolvimento.

Jequié: CGU e PF averiguam obras e aplicação de recursos em escolas do município


A Controladoria-Geral da União (CGU) e Polícia Federal realizaram nesta segunda-feira (25) visitas as escolas de Jequié. Segundo a Secretaria de Educação, o objetivo é aprofundar investigações e averiguar obras realizadas pela empresa BMV com recursos provenientes dos precatórios.

Recentemente o município foi alvo de denúncia por parte de vereadores da Minoria protocolada na Polícia Federal em Vitória da Conquista. De acordo com relatos dos vereadores, existem diversas irregularidades praticadas nas reformas de prédios escolares no município, que precisam ser apuradas. As mesmas denúncias também foram protocoladas no Ministério Público Federal e no Ministério Público Estadual. (mais…)

Chega a dez número de mortos no massacre em escola de Suzano


A Polícia Militar informou há pouco que subiu para dez o número de mortos em decorrência do tiroteio na Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano, município paulista (RELEMBRE O CASO). Os dois atiradores, identificados como Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 anos, se mataram após o ataque. Mais 17 pessoas ficaram feridas.O coronel Salles, da Polícia Militar, disse que, antes de entrar na escola, os dois atiradores dispararam contra o proprietário de um lava rápido que fica em frente à escola. Neste momento, o homem está passando por cirurgia na Santa Casa de Suzano.  Em seguida, os atiradores entraram na escola na hora do intervalo. Primeiro, eles atiraram em uma coordenadora pedagógica e em uma supervisora. Depois, se dirigiram ao pátio, onde atingiram alunos de ensino médio. Depois seguiram para um centro de línguas.

Na mochila dos atiradores havia três coquetéis molotov, duas bestas (lança-seta) e um revólver calibre .38. Uma terceira mochila foi encontrada com uma espécie de bomba, de acordo com informações do Major Caruso, subcomandante do 32.º Batalhão com sede em Suzano. A polícia está fazendo uma varredura na escola porque foram encontrados artefatos com aparência similar a de explosivos. “A preocupação neste momento é desmantelar os artefatos explosivos, prestar socorro às vítimas e atender às famílias”, disse o coronel Salles. A área no entorno da escola está isolada por risco de haver explosivos.

Adolescentes atiram dentro de escola e matam 6 pessoas em Suzano, diz polícia


Dois adolescentes encapuzados mataram a tiros seis pessoas dentro da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, município paulista, e cometeram suicídio em seguida, segundo a polícia. Cinco das vítimas eram estudantes, outra era funcionário da escola. O ataque ocorreu por volta das 9h30 desta quarta-feira (13).

Dentro da escola, a polícia encontrou um arco e flecha e garrafas que aparentam ser coquetéis molotov. Há ainda uma mala com fios, e o esquadrão antibombas foi chamado. Ainda não há informação sobre feridos no ataque. A instituição foi isolada pela polícia e há muitos alunos e funcionários chorando ao redor.

A capitão Cibele, da comunicação da PM, disse que pouco antes dos disparos na escola, a polícia foi chamada para outra ocorrência com arma de fogo, perto dali. “Mas ainda não podemos precisar se os casos estão relacionados. Policiais estavam indo para esse primeiro chamado e ouviram gritos das crianças. Foram então até a escola, onde os dois criminosos acabaram se matando”, disse ela.

Segundo o Censo Escolar de 2017, a instituição possui 358 alunos da segunda etapa do fundamental (6º ao 9º ano) e 693 estudantes do ensino médio.

(G1)

Ibirataia: Vereador Bira da Topic dá continuidade a doações de kits de material escolar para alunos da zona rural


Dando continuidade à entrega de kits de material escolar para estudantes da Rede Municipal de Ensino, recentemente, o vereador Bira da Topic esteve na região da Santa Rita, zona rural de Ibirataia.Na ocasião, o vereador visitou a Escola Municipal Deputado Nelson David Ribeiro e entregou os kits escolares para os alunos. Os kits são compostos por pastas, cadernos, conjuntos de lápis de cor e canetas hidrocor, tesouras escolar, colas, borrachas, apontadores e outros itens essenciais para o início do ano letivo.

“Sei do momento financeiro extremamente delicado e por isso dei sequência a essa ação. A educação é a base de tudo, desse modo acredito que atitudes como esta estimulam mais pessoas a fazerem também”, comentou Bira da Topic.

(Bahia em Dia)

Ibirataia: Vereador Bira da Topic doa kits de material escolar para alunos da zona rural


As ações do vereador Bira da Topic não param. Sabendo da importância dos estudos, pensando nesse início de ano letivo e como levar um pouco de incentivo há algumas crianças, durante a semana, Bira foi até a zona rural de Ibirataia para entregar kits de material escolar para estudantes da Rede Municipal de Ensino.As turmas de Educação Infantil da Escola Municipal Aristóteles Dias da Fonseca, na região do Rio Vermelho, e da Escola Municipal Profª Mariza da Conceição Messias Barbosa, na região do Riacho Dantas, receberam das mãos de Bira da Topic kits com pastas, cadernos, conjuntos de lápis de cor e canetas hidrocor, tesouras escolar, colas, borrachas, apontadores e outros itens essenciais para o início do ano letivo.”Foi um momento de festa e alegria, muito gratificante perceber em cada sorriso a satisfação de receber alguns materiais novinhos para começar o ano letivo com muita alegria”, destacou Bira. Ele completou agradecendo as receptividades das professoras Romilda Santana e Denise Batista, dos alunos e dos amigos das referidas regiões.

(Bahia em Dia)

MPF denuncia organização criminosa que fraudava licitações em 14 municípios baianos


Operação Sombra e Escuridão. O Ministério Público Federal (MPF) Polo Ilhéus/Itabuna (BA) ofereceu denúncia, no dia 8 de fevereiro, contra treze pessoas por formação de Organização Criminosa, falsidade ideológica, corrupção ativa e passiva. O grupo está relacionado ao desvio de aproximadamente R$ 30 milhões por meio de empresas irregulares e de diversas ilegalidades em licitações e contratos públicos. Municípios com licitações investigadas: Ibirataia, Ibirapitanga, Ubatã, Wenceslau Guimarães, Piraí do Norte, Ituberá, Igrapiúna, Camamu, Ubaitaba, Maraú, Ilhéus, Valença, Nazaré e Eunápolis.

Segundo a denúncia, trata-se de uma Organização Criminosa estruturalmente ordenada – com divisão de tarefas entre seus membros – que busca a obtenção de vantagens indevidas a partir de licitações fraudadas e contratações irregulares. Foram diversas as modalidades de fraudes cometidas: simulação de concorrência, conluio de empresas, modificação ilegal de contratos, sobrepreço/superfaturamento, subcontratações ilícitas, falsidade documental ou ideológica, atos de corrupção e outros ilícitos praticados mediante ajustes, com o concurso de agentes públicos e em conexão eventual com outra ORCRIM independente. (mais…)

Gongogi: Em vídeo, vereadores denunciam o descaso de escola da zona rural


Após os moradores do distrito de Nova Palma, município de Gongogi, reclamarem a situação caótica das escolas, os vereadores Adriano Mendonça e José Antonio Kalid Sobrinho, o Toinho de Beca, promoveram uma denúncia contra o descaso com a escola municipal do Projeto de Assentamento Santa Irene, através de um vídeo que circula nas redes sociais.

O vídeo mostra o prédio escolar como uma obra em abandono, com teto desabando, instalações elétricas em péssimas condições, quadro negro deteriorado. Um verdadeiro caos instalado num prédio público de uma comunidade que acolhe cerca de 81 famílias e atende crianças de várias áreas rurais. Nesta sexta-feira (25), os edis visitaram a unidade de ensino do P. A. e se indignaram com situação critica do imóvel às vésperas de iniciarem as aulas do ano letivo de 2019. Assistam ao vídeo-denúncia abaixo. (mais…)

Gongogi: Professores reclamam de atraso no pagamento de salário e do terço de férias


Professores da rede municipal de Gongogi reclamam de atraso no pagamento dos salários de dezembro e também do terço de férias. Por Lei, o salário deveria ter sido creditado nas contas dos servidores até o 5º dia útil, fato que não aconteceu. Já o terço, ainda conforme a Legislação, deve ser pago antes do gozo das férias dos servidores, o que também não ocorreu. Em dezembro a Associação dos Professores Licenciados da Bahia (APLB/Sindicato) paralisou as aulas da rede municipal de Gongogi por alguns dias cobrando o pagamento do 13º salário, que foi quitado após a paralisação. A gestão do prefeito Edvaldo dos Santos (PR), o Kaçulo, vem sendo duramente criticada por servidores por reiterados atrasos salariais. O Ubatã Notícias tentou contato com a Prefeitura de Gongogi, mas as ligações não foram atendidas.

(Ubatã Notícias)