Apuarema: Prefeito Raival é multado e sofre representação ao MPE


O Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão de quinta-feira (13/09), julgou procedente denúncia formulada pelo vereador de Apuarema, Roberto Amorim, contra o prefeito Raival de Oliveira, por irregularidade na celebração de contratos sem licitação, no exercício de 2017, utilizando como justificativa decreto que alegava situação de emergência no município. O conselheiro Mário Negromonte, relator do processo, determinou a formulação de representação ao Ministério Público Estadual para que seja apurada a suposta prática de ato de improbidade administrativa e impôs a rescisão imediata dos contratos. O gestor foi multado em R$10 mil.

Segundo a relatoria, o ato que decretou situação de emergência no município de Apuarema, não confere ao prefeito a prerrogativa de, sem atender as exigências legais, realizar contratações diretas por dispensa de licitação. “Revela-se imprescindível, nesse caso, que a situação emergencial esteja devida e corretamente caracterizada”, ensinou. Contudo, o gestor atribuiu à situação emergencial alegada, suposta situação de abandono do município, afirmando ter encontrado “a cidade cheia de lixo, ambulância sem pneus, doentes precisando serem transportados, assim como a confecção da folha de pagamento dos funcionários”, o que não restou comprovado em alguns dos processos administrativos de dispensa de licitação apresentados.

Dos 48 processos administrativos apresentados, no entanto, 19 foram considerados irregulares, pois não atenderam aos requisitos exigidos para a contratação direta por situação emergencial. “É imprescindível que cada processo administrativo de dispensa de licitação por razões emergenciais demonstre com clareza a necessidade da contratação e o prejuízo que a ausência da realização dos serviços, de forma imediata, pode causar à municipalidade”, ressaltou o relator ao decidir pela punição do gestor municipal. Cabe recurso da decisão.

Ibirataia: Prefeitura abandona entulho na travessa São Miguel há mais de uma semana


Um simples serviço de desentupimento da rede de esgoto da travessa São Miguel, no bairro José Firmino, mostra nitidamente como a atual administração realiza seus serviços para a comunidade.

Na semana passada, a prefeitura fez o serviço e deixou os restos de materiais no local. No entanto, passados mais de 10 dias, o entulho ainda se encontra no mesmo local, não tendo sido retirado e o que é pior, colocando em risco pedestres, motoristas e ciclistas que trafegam no perímetro. Sem falar do incômodo que os moradores estão passando com o mau-cheiro que sai de um resto de cano retirado do local.

(Bahia em Dia)

Após esposa negar sexo, homem mata filho de seis meses com tiro no peito


Um pai foi preso suspeito de matar o próprio filho, um bebê de 6 meses, na madrugada desta quarta-feira (12), na cidade de Luziânia, em Goiás, no entorno do Distrito Federal. Maycon Salustiano Silva, de 25 anos, foi preso em flagrante e declarou à polícia que não se lembra do ocorrido pois havia ingerido bebida alcoólica e fumado maconha.

O delegado Daniel Martins Ferreira, responsável por investigar o caso, afirmou à reportagem que Salustiano disparou contra a criança com uma garrucha calibre 22 depois de discutir com a sua mulher, de 20 anos, mãe do bebê. O homem teria se irritado após ela se recusar a manter relações sexuais com ele. “A mãe relatou que teve uma discussão com o autor, que a agrediu fisicamente. Ele falou que ia pegar água, saiu e voltou com uma arma”, disse o delegado. “O marido perguntou se ela acreditava que ele tivesse coragem de disparar no filho e atirou no bebê.”Atingido no peito, o menino, chamado Michel, foi socorrido e levado a uma unidade de saúde de Luziânia, mas chegou ao local já sem vida. Salustiano foi detido por policiais militares e conduzido a uma delegacia, onde foi autuado por homicídio e posse ilegal de arma. A garrucha usada no crime foi apreendida pela Polícia Civil. A mãe da criança prestou depoimento e foi liberada em seguida.

(Correio)

Intermunicipal: Treinador interino da seleção de Ipiaú fica no cargo até a partida deste domingo (16)


Foto: Miro da Kombi

A Seleção de Ipiaú mais uma vez terá um novo treinador no comando técnico a partir da segunda rodada, isto porque o professor Ivan Colt, que havia substituído interinamente Fernando Sobrinho, pediu desligamento da seleção por motivos particulares. No treinamento de ontem, Colt comunicou sua saída aos atletas e ao diretor João Grilo. “Conversei com meus atletas e com o diretor João Grilo sobre minha saída. A razão são motivos pessoais, não estou conseguindo conciliar estágio, relatórios, monografia, família, seleção… Ficou muito carregada a minha memória, está faltando o principal objetivo precioso: tempo para a minha vida”, justificou Colt. A seleção de Ipiaú enfrentará a seleção de Jaguaquara em jogo válido pela 6ª rodada do Intermunicipal, jogo que definirá classificação para a próxima fase.

Burocracias atrasam pagamento da Seleção de Ipiaú
A exemplo do ano passado, a seleção de Ipiaú se prepara para um duelo decisivo sob um desnecessário desgaste com atraso no pagamento. De acordo com prepostos da Liga, a parte que lhes compete por exigência da prefeitura foi devidamente cumprida, restante apenas a liberação da verba. Do lado da prefeitura, há exigências como prestação de contas dos jogos em casa, bem como das entradas e das despesas com comprovantes para se atestar a veracidade das informações prestadas. O fato é que já há um novo desgaste e os atletas e comissão técnica estão sendo prejudicados e estão preocupados porque muitos não trabalham e são pais de família que tem a renda da seleção como única para o sustento da família. Está previsto para hoje uma reunião entre Liga e Prefeitura, quiçá até atletas, para resolver a situação.
(Giro/Romário Henderson)

Homem é atacado por sucuri de 3 metros durante pescaria em MT


Um empresário foi atacado no rosto por uma sucuri de 3 metros durante uma pescaria no final de semana em uma propriedade rural de Juara, a 690 km de Cuiabá-MT. Moisés Rodrigues estava com amigos em uma represa e se preparava para amarrar o barco quando foi surpreendido pelo animal.

Para se livrar da cobra, Moisés a agarrou e a puxou. Por causa das presas, o rosto de Moisés teve o rosto cortado. “Nem deu tempo de reagir. Quando vi, ela já estava grudada no meu rosto com as presas. Senti como se fosse um soco no meu rosto”, contou ao G1.

Ainda segundo Moisés, durante o ataque os lábios e o nariz dele ficaram dentro da boca da cobra. O empresário foi levado para uma unidade hospitalar e medicado. Ele precisou levar três pontos em um dos lados do rosto por causa do corte. O animal foi levado por Moisés para uma região de mata e deixada em um córrego.

Com aval de Lula, Haddad é oficializado pelo PT candidato ao Planalto


A cúpula do Partido dos Trabalhadores (PT) aprovou por unanimidade, nesta terça-feira (11), o nome de Fernando Haddad como o novo candidato do partido à Presidência da República no lugar do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Com aval de Lula, Haddad, que era o vice, substituiu definitivamente o lugar de Lula , que vinha sendo mantido como o cabeça de chave enquanto sua defesa tentava reverter sua situação na Justiça. Ele terá a gaúcha e deputada federal Manuela D’Ávila (PCdoB) como sua vice na chapa. A decisão foi tomada no prazo final de 10 dias estipulado no dia 1º pelo ministro Luís Roberto Barroso, para que o partido promovesse a substituição do nome do cabeça da chapa petista. Antes do anúncio, Haddad deve se encontrar novamente com Lula.

Em breve, Algodão vai receber o Consultório Odontológico Dr Jaldo Júnior e Dra Patrícia Almeida


Lembrando que o Consultório Odontológico Dr Jaldo Júnior e Dra Patrícia Almeida está em fase de implantação de uma moderna unidade no distrito de Algodão e, em breve estará localizado na rua José Muniz Ferreira, nº17, ao lado do posto de combustível. Em breve outras informações, ou até mesmo agendamento de horário para realizar seu orçamento.

Suspeito de estuprar neta de 11 anos é preso no sudoeste baiano


Um homem de 57 anos foi preso nesta terça-feira (11) por estupro de vulnerável na zona rural de Maiquinique, no sudoeste baiano. A vítima é a própria neta do suspeito, de 11 anos de idade.

De acordo com a Polícia Civil, a garota, que era abusada desde os 5 anos, disse que seu avô, identificado como Dionilio Pereira Silva, ameaçava ela para que não denunciasse o crime. A vítima passará por um tratamento psicológico. Ainda segundo a Polícia Civil, Dionilio já foi acusado, em 2013, de estuprar a cunhada e uma amiga dela, ambas tinham 10 anos na época.

Segundo informações policiais, para capturar Dionilio, evitando que o mesmo fugisse, uma equipe da delegacia local teve que se vestir como trabalhadores rurais.

(Bahia em Dia)

Intermunicipal: Fora de casa, Ipiaú empata com a seleção de Ibirapitanga


Em partida realizada na cidade de Ibirapitanga, neste domingo (09), a seleção de Ipiaú empatou em 0 a 0 com a seleção local pela quinta rodada do intermunicipal 2018. No outro jogo do grupo 08, dentro de casa, a seleção de Jaguaquara perdeu para Ubaíra pelo placar de 1 a 0.

Com os resultados, Ubaíra voltou a liderar o grupo com 8 pontos, seguido por Jaguaquara e Ipiaú, ambos com 7 pontos. Já Ibirapitanga segue na lanterna com 5 pontos. No próximo domingo (16), em casa, Ipiaú enfrenta Jaguaquara. Já o selecionado de Ibirapitanga vai até a cidade de Ubaíra enfrentar a seleção local.

(Bahia em Dia)

Ibirataia: Morador da região do Calculo denuncia abandono e descaso de estrada


Neste sábado (08), a redação do Bahia em Dia, recebeu imagens e relatos de um morador da região do Calculo, zona rural de Ibirataia, que está indignado com a situação de abandono que se encontra a localidade.

De acordo com o denunciante, que preferiu não se identificar, a estrada que da acesso a localidade está intransitável, tem locais que os moradores não conseguem nem andar a pé, que dirá com algum tipo de veículo. Ele ainda chama atenção da prefeita Ana Cléia, quanto ao abandono e descaso na manutenção da referida estrada. “Nós moradores estamos cansados de pedir a prefeita para que dê manutenção na estrada, pois se encontra abandonada, cheia de buracos e valetas que até carros ficam presos dentro…nós pequenos produtores estamos sofrendo com essa situação”, desabafa. O denunciante afirma que os estudantes também estão sendo prejudicados e que ficam sem irem a escola, pois, assim como na última terça-feira (04), por várias vezes o ônibus não chegou ao local para transportá-los, justamente por falta de estrada trafegável.No seu relato, o morador também comenta sobre uma publicação da página do facebook da prefeitura, onde foi divulgado os serviços de patrolamento e encascalhamento da ladeira que liga a fazenda São José as regiões do Ponto de Firmo e do Calculo. “A prefeitura jogou duas caçambas de cascalho e espalhou pra bater a foto e postar na página“, finaliza.

(Bahia em Dia)

0
Web Design BangladeshWeb Design BangladeshMymensingh