Diante de Ubaíra, Ipiaú sofre segunda derrota no intermunicipal


Jogando fora de casa, pela terceira rodada da primeira fase, a seleção de Ipiaú voltou a perder no intermunicipal 2018. Em partida realizada neste domingo (26), no Estádio Mário Muniz Monteiro, em Ubaíra,  Ipiaú foi derrotado pela seleção local pelo placar de 2 a 1. Na outra partida do grupo, jogando em casa,  a seleção de Ibirapitanga venceu Jaguaquara por 3 a 1. Com os resultados, Ubaíra passou a liderar o Grupo 08 com 5 pontos, seguida por Ibirapitanga e Jaguaquara com 4 pontos cada. Já a seleção ipiauense segue com apenas 3 três pontos e passou a ocupar a última colocação.
(Bahia em Dia)

Ibirataia: Morador de Algodão tem WhatsApp clonado


O jovem Máximo Morais do Santos, morador de Algodão distrito de Ibirataia, procurou nossa redação para denunciar que teve seu WhatsApp clonado.

Segundo Máximo, o seu número de telefone foi clonado e, nesta sexta-feira (24), o(s) vigarista(s) entrou no seu WhatsApp e passou a mandar mensagens para várias pessoas desconhecidas. Ele acredita que estão usando o aplicativo para denegrir sua imagem, até porque, segundo o mesmo, neste sábado (25) recebeu uma mensagem de um desconhecido que o ameaçou. Ainda segundo Máximo, uma queixa vai ser registrada na polícia para que sejam tomadas as medidas judiciais cabíveis.

(Bahia em Dia)

Em breve, Algodão vai receber o Consultório Odontológico Dr Jaldo Júnior e Dra Patrícia Almeida


Lembrando que o Consultório Odontológico Dr Jaldo Júnior e Dra Patrícia Almeida está em fase de implantação de uma moderna unidade no distrito de Algodão e, em breve estará localizado na rua José Muniz Ferreira, nº17, ao lado do posto de combustível. Em breve outras informações, ou até mesmo agendamento de horário para realizar seu orçamento.

Isaquias é tricampeão mundial no C1 500m; Erlon e Maico disputará final B no C2 1000m


Martin Fuksa parecia ser o grande adversário. Era o então bicampeão mundial do C1 500m, o cara que venceu tudo o que disputou ao longo da temporada. Mas o baiano de Ubaitaba, Isaquias Queiroz, se valeu do trabalho duro e de uma máxima repetida à exaustão pelo técnico Jesus Morlán: não se pode ganhar tudo. Isaquias foi superior quando realmente importou, na final do Campeonato Mundial de canoagem velocidade de Montemor-o-Velho, em Portugal, disputada nesta sexta-feira (24). Cravou 1m49s203 e provou que é quem manda nessa distância. Vencedor também em 2013 e 2014, ele agora é tricampeão mundial na prova.

Na disputa desta sexta, curiosamente, Sebastian Brendel, tricampeão olímpico no C1 1000m, foi a maior ameaça a Isaquias Queiroz. O alemão fez uma prova espetacular, se colando ao lado do brasileiro nos metros finais, mas acabou na segunda colocação com 1m49s496. Fuksa observou tudo de perto e ficou em terceiro lugar (1m50s143).

Erlon e Maico disputará final B no C2 1000m

Parceiro de Isaquias Queiroz na conquista da prata olímpica da Rio 2016 no C2 1000m, o outro baiano Erlon de Souza, este de Ubatã, remou no Mundial em Montemor-o-Velho ao lado do jovem Maico dos Santos nessa prova. Maico também é baiano do município de Itacaré. A ideia era dar uma folga para Isaquias e ajudar o menino Maico a ter o direito de pleitear a Bolsa Pódio com a classificação para a final. E esse último objetivo, por muito pouco, não foi alcançado. Os dois terminaram a bateria semifinal na quarta colocação, com tempo de 3m37s135, e a vaga para a final A escapou por uma posição.

(Globo Esporte)

MP investiga mutirão de catarata que deixou pacientes cegos em Eunápolis


O Ministério Público da Bahia (MP-BA) apura um mutirão de cirurgia de catarata que deixou pacientes cegos na cidade de Eunápolis, no extremo sul do estado. De acordo com o órgão, os procedimentos foram realizados em julho de 2009, em uma clínica particular contratada pela prefeitura. Os dois médicos que atuavam no local chegaram a fazer 20 cirurgias por dia.

Conforme o MP, 73 pessoas foram atendidas durante o mutirão. Destas, 42 perderam a visão ou tiveram o sentido parcialmente prejudicado por conta das cirurgias. Laudos apontam que os pacientes foram infectados pela bactéria pseudomonas aeruginosa, que tem o solo como ambiente de origem. A bactéria, segundo o MP, é um indicativo de outras irregularidades que também foram apontadas durantes as investigações. Conforme os laudos, os médicos não tomaram cuidados de higiene durante os procedimentos, como o uso de toucas na cabeça e nos pés, além de aventais cirúrgicos nos pacientes.Uma das vítimas do mutirão é o tratorista aposentado Luís Oliveira, que trabalhava na época, mas precisou se afastar do serviço após perder a visão de um dos olhos. Com a dificuldade para desempenhar atividades diárias, o paciente se tornou dependente da mulher. “Depois disso eu não trabalhei mais, porque, com um olho só, não teve mais [serviço]”, contou Luís. “Era uma pessoa muito trabalhadora e agora ele está em uma situação dessa. Para levar no posto de saúde, sou eu. Para levar no médico, sou eu. Tudo sou eu”, completou a mulher do paciente, Ildete Nascimento.

O MP tenta um acordo com os dois médicos, identificados como Alaílson Mendes Brito e Wagner Gomes Dias. Os dois são denunciados por danos estéticos, morais e materiais aos 42 pacientes. Em uma reunião realizada na quarta-feira (22), com os pacientes prejudicados pelo mutirão, o órgão definiu uma indenização de R$ 40 mil para cada um deles. O caso será apresentado aos advogados dos médicos nesta quinta-feira (23).

Por meio do advogado, o médico Wagner Gomes informou que só vai se posicionar sobre o caso em juízo. Já o advogado de Alailson Mendes informou que adotou todas as providências para diminuir a infecção assim que percebeu problemas nos pacientes. O médico disse, ainda, que eles foram encaminhados para um hospital particular em Salvador, com todas as despesas e cuidados clínicos pagos por ele. A Prefeitura de Eunápolis, denunciada por negligência, por falta de fiscalização durante os procedimentos, informou que só vai se posicionar depois de um parecer final da Justiça.

(G1)

Samuel Dias lança seu primeiro clip junto com novo CD


A espera acabou! O cantor ibirataense Samuel Dias lançou, nesta quinta-feira (23), seu primeiro clip oficial com a sua música de trabalho, chamada “Fica Comigo”. Lançado oficialmente no canal POPMIX PRODUÇÕES no YouTube você pode conferir no vídeo abaixo.

Além do clipe, o cantor também traz outra novidade, o seu mais novo CD promocional. O repertório atualizado do cantor traz 18 faixas, além de sucessos do momento, também conta com a música citada acima. O novo álbum está disponível no site Sua Música. CLIQUE AQUI E BAIXE O CD.

(Bahia em Dia)

Um dos maiores estelionatários do Brasil foi preso em Jequié


Na manhã desta quinta-feira (23) um dos maiores estelionatários Brasil foi preso em Jequié, acusado de aplicar vários golpes através de sites de venda na internet. Dario Disnair da Silva Junior coordenava uma organização criminosa que atuava no país inteiro, a sede de organização era em Jequié. Ele se passava como proprietário de uma concessionária de tratores agrícolas, em Lorena SP, e vendia os equipamentos através do Mercado Livre, oferecendo fretes grátis para todo o Brasil, em contrapartida exigia das vítimas um depósito antecipado e as vítimas nunca recebiam as máquinas. Só em São Paulo são mais de 100 denúncias contra Dario Junior na Polícia Civil. Foram 6 meses de investigações em uma operação conjunta entre a Polícia Civis de São Paulo, Bahia e Ceará, denominada de “Operação Loki”, o deus da trapaça.

Dário Junior tinha uma vida de ostentação em Jequié, com um padrão de vida elevado. Em janeiro de 2015 ele foi detido pela Polícia Rodoviária Federal, em Milagres, com documentos falsos e procurado por estelionato, ficou preso por um tempo e estava em liberdade, voltando a praticar crimes. Segundo o advogado de defesa, Ary Santana, a prisão do seu cliente é temporária, por 5 dias e o seu cliente nega todas as acusações.

(Junior Mascote)