Ministério Público Eleitoral opina pela inelegibilidade de Lula e pede para TSE recusar a candidatura


O vice-procurador-geral eleitoral, Humberto Jacques de Medeiros, apresentou parecer, nesta segunda-feira (20), no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo para a Corte negar o registro da candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República.

A manifestação foi apresentada em quatro ações de inelegibilidade apresentadas por cidadãos que questionam o pedido de registro de Lula no TSE. Os pedidos afirmam que Lula é inelegível porque foi condenado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região e, por isso, foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa. “Com efeito, candidato está inelegível, e o mesmo fato fundamenta a impugnação apresentada pelo Ministério Público Eleitoral”, diz Medeiros.

No parecer, o vice-procurador pede o “reconhecimento da causa de inelegibilidade” e reitera os argumentos já apresentados pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que impugnou (apresentou questionamento) a candidatura na semana passada. O relator de todas as impugnações é o ministro Luís Roberto Barroso, que ainda não se manifestou sobre o registro de Lula.

(G1)

Jequié: Irmão de radialista morre após carro invadir a contramão e colidir com sua moto


Na noite desta segunda-feira (20), por volta das 21hs, um grave acidente na Avenida Tote Lomantom em Jequié, deixou um jovem morto. De acordo com testemunhas, um veículo invadiu a contramão e bateu de frente com a moto de Joilson Santana que não resistiu e morreu no local.

Joilson, conhecido popularmente como “Jhoy Santana”, era músico católico e irmão do radialista Cacá Santana da rádio 95 FM, sua família é bastante conhecida na cidade de Jequié. Pessoas que presenciaram o acidente não tiveram tempo de deter o motorista do carro que fugiu em seguida. O cantor católico Jackson Soares lamentou a perda precoce do seu companheiro e amigo.

(Jequié Urgente)

Mundo das Mídias – Sua loja de variedades


Na loja Mundo das Mídias você encontra utilidades para o lar, material escolar, brinquedos, artigos para presentes, pen drive, cartão de memória, fones de ouvido, carregadores para celular, antenas para TV, cabos de DVD, calculadoras e muito mais.

O Mundo das Mídias fica localizado na Praça Erasmo Vieira, em frente ao Centro Comercial Martinho de Oliveira, no distrito de Algodão, em Ibirataia. Islândia e Júnior desde já agradecem pela visita.

Itororó: Líder LGBT é brutalmente assassinado e tem genitália dilacerada


O morador de Bandeira do Colônia, distrito de Itapetinga, Marcos Cruz Santana, de 40 anos, foi brutalmente assassinado durante a madrugada deste sábado (18), em Itororó, possivelmente a golpes de faca tendo sua genitália dilacerada. Conhecido como “Marquinhos Tigresa”, ele era atuante em Itororó, Itapetinga e região, como líder LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais ou Transgêneros).

Com vários sinais de golpes de faca no pescoço, o corpo de Marquinhos foi encontrado próximo a rodoviária de Itororó, por volta das 02:30h, por populares que acionaram a Polícia Militar.

Marquinhos que era homossexual atuava divulgando eventos LGBT em toda a região e por diversos anos realizou em Itororó a Parada Gay. Toda a população está revoltada com o assassinato do jovem que era tido como figura folclórica em Itororó, por suas brincadeiras diárias.

A polícia afirmou que ainda não recebeu nenhuma denúncia a respeito do ocorrido, mas, aguarda a qualquer momento que a população repasse alguma informação.

(Itororó Já)

Mundo das Mídias – Sua loja de variedades


Na loja Mundo das Mídias você encontra utilidades para o lar, material escolar, brinquedos, artigos para presentes, pen drive, cartão de memória, fones de ouvido, carregadores para celular, antenas para TV, cabos de DVD, calculadoras e muito mais.

O Mundo das Mídias fica localizado na Praça Erasmo Vieira, em frente ao Centro Comercial Martinho de Oliveira, no distrito de Algodão, em Ibirataia. Islândia e Júnior desde já agradecem pela visita.

Os deputados federais Paulo Magalhães e Lúcio Vieira são os candidatos à reeleição mais ricos da Bahia


Os deputados federais Paulo Magalhães e Lúcio Vieira Lima são os candidatos à reeleição mais ricos do estado, entre as declarações dos postulantes ao cargo proporcional.

De acordo com levantamento baseado no sistema Divulga Cand, com base em dados divulgados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Paulo Magalhães (PSD) tentará a reeleição ostentando o título de candidato mais rico, com um patrimônio de R$ 16.683.655,72. Já Lúcio Vieira (MDB) aparece na segunda colocação, com patrimônio estimado em R$11.235.928,92.

Confira a lista completa:

1º Paulo Magalhães (PSD): R$ 16.683.655,72
2º Lucio Vieira Lima (MDB): R$11.235.928,92
3º Claudio Cajado (PP): R$11.124.956,55
4º José Rocha (PR): R$7.286.824,48
5º Aleluia (DEM): R$ 6.257.041,86
6º José Nunes (PSD): R$4.285.968,31
7º Jonga Bacelar (PR): R$3.719.709,13
8º Elmar Nascimento (DEM): R$3.092.652,53
9º Carletto (PP): R$2.931.612,84
10º Felix Mendonça (PDT): R$2.414.766,83
11º Mario Negromonte JR (PP): R$2.281.417,64
12º Antonio Brito (PSD): R$2.178.108,34
13º Arthur Maia (DEM): R$ 1.789.813,86
14º Paulo Azi (DEM): R$1.671.368,80
15º Imbassahy (PSDB): R$1.670.429,09
16º Alice Portugal (PCdoB): R$1.217.987,08
17º Benito Gama (PTB): R$1.063.155,77
18º Waldenor Pereira (PT): R$1.011.070,73
19º Sergio Brito (PSD): R$1.000.901,58
20º Daniel Almeida (PCdoB): R$939.020,00
21º José Carlos Araújo (PR): R$858.741,83
22º Cacá Leão (PP): R$819.034,57
23º Jorge Solla (PT): R$646.715,27
24º Pelegrino (PT): R$600.000,00
25º Caetano (PT): R$ 476.500,00
26º Bacelar (Podemos): R$413.246,77
27º Josias Gomes (PT): R$400.412,38
28º Afonso Florence (PT): 385.743,71
29º Marcio Marinho (PRB): R$309.028,06
30º Uldurico Junior (PPL): R$145.577,65
31º Erivelton Santana (Patriota): R$56.700,00
32º Tia Eron (PRB): R$38.347,10

(Bahia em Dia)

MPF pede impugnação de candidatura de Isaac Carvalho a deputado federal


A Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE-BA), ligada ao Ministério Público Federal (MPF), pediu a impugnação da candidatura do ex-prefeito de Juazeiro, Isaac Carvalho (PCdoB), a deputado federal. Erroneamente, a PRE mencionou na petição que Isaac concorre a deputado estadual. Em documento enviado ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, o procurador-regional eleitoral, Cláudio Gusmão, argumentou que, como o comunista foi condenado em segunda instância por improbidade administrativa, deve ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa.

Isaac foi condenado pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) em maio de 2016 a ser inabilitado, por cinco anos, a exercer algum cargo ou função pública. Ele foi acusado de desviar R$ 111,9 milhões da Lei Orçamentária de Juazeiro, em 2009. Segundo a PRE-BA, além da condenação por órgão colegiado, não houve nenhuma decisão judicial para suspender os efeitos da sentença ou provimento para anular ou reformar o que foi julgado, o que reforça o entendimento sobre a inelegibilidade de Isaac. “Forçoso reconhecer, pois, que se encontram presentes todos os elementos fáticos e jurídicos configuradores da causa de inelegibilidade suscitada (artigo 1º, inciso I, alínea “e”, item 1, da Lei Complementar n. 64/90), quais sejam: condenação por órgão judicial colegiado, em decorrência de crime contra a administração pública; e inexistência de comando tendente a suspender ou desconstituir o acórdão proferido”, sustentou Gusmão.

Isaac é uma das maiores apostas do PCdoB na eleição para a Câmara dos Deputados. A avaliação é de que o ex-prefeito de Juazeiro tem bom potencial eleitoral por ter comandado uma das maiores cidades do estado e ainda ter emplacado sucessor – atualmente, Paulo Bonfim (PCdoB) é prefeito do município.

(Bahia Notícias)

Candidatos ao governo da Bahia se enfrentam hoje em primeiro debate na TV Band


Com previsão para início às 22h desta quinta-feira (16), o primeiro debate entre os candidatos ao governo da Bahia será transmitido pela TV Bandeirantes. Além do atual governador, Rui Costa, a emissora confirmou as participações dos candidatos Célia Sacramento (Rede), João Henrique (PRTB), João Santana (MDB), José Ronaldo (DEM) e Marcos Mendes (PSOL).

Com mediação da jornalista Carolina Rosa, o debate será dividido em cinco blocos. Na primeira etapa, será dedicada à apresentação dos candidatos, com 30 segundos para cada, que seguirá ordem sorteada previamente. Em seguida, todos os postulantes responderão a uma pergunta comum feita a partir de sugestões de telespectadores. O tempo de resposta será de dois minutos para cada. No segundo bloco, será a vez do embate entre os candidatos. Eles escolhem quem responderá a sua pergunta e têm 30 segundos para a questão. Cada candidato pode responder até duas vezes e terá dois minutos por resposta. Réplica e tréplica terão um minuto cada. No terceiro bloco, jornalistas e colunistas da Band sabatinarão. Um aspirante ao Palácio de Ondina é sorteado a responder e outro sorteado a comentar cada uma delas. Novamente, as perguntas serão feitas em 30 segundos e respondidas em até dois minutos, com réplica e tréplica de um minuto. Um novo embate marca o quarto bloco. Na última e quinta etapa, os candidatos fazem suas considerações finais.

Após 13 anos, polícia prende envolvido em assalto ao Banco Central de Fortaleza


A Polícia Militar do Distrito Federal prendeu hoje (14) Adelilno Angelim de Sousa Neto, de 36 anos, que participou de um dos maiores assaltos do Brasil: o furto ao Banco Central em Fortaleza, em 2005. Na ocasião, a quadrilha levou aproximadamente R$ 164 milhões do caixa-forte – o equivalente a três toneladas e meia de notas de dinheiro. Após 13 anos, o homem que fugiu do Ceará foi preso a 17 quilômetros do Plano Piloto – área central de Brasília.

Adelino foi preso em casa, no Paranoá, bairro a 17 quilômetros do centro de Brasília, onde vivia há 5 anos. O homem, que vinha sendo monitorado pela Secretaria de Segurança Pública do DF, foi levado para o Complexo Penitenciário da Papuda e aguardará audiência de custódia. Não é a primeira vez que o suspeito é preso. Ele chegou a ser detido em Fortaleza, foi solto e depois houve um novo pedido de prisão.

O furto ao Banco Central de Fortaleza, ficou conhecido no país como um crime cinematográfico. Segundo as investigações, 11 pessoas participaram diretamente da ação. Com a ajuda de agentes infiltrados, a polícia descobriu a identidade dos chefes da quadrilha e prendeu 26 das 36 pessoas envolvidas. Dos quase R$ 165 milhões furtados, apenas R$ 53 milhões foram recuperados.

O caso

O crime foi detalhadamente planejado: uma casa a 80 metros do banco foi alugada e transformada em uma empresa de grama sintética para servir de fachada, assim, as escavações até o destino final não levantaram suspeitas.

O túnel de acesso ao banco tinha 4 metros de profundidade, ventiladores, iluminação e espaço suficiente para levar os sacos de dinheiro. O furto ocorreu em um fim de semana, quando o banco estava fechado e só foi descoberto na segunda-feira seguinte, possibilitando a fuga dos ladrões. Para dificultar a ação da polícia, o bando se dividiu. Parte do dinheiro foi enviada para São Paulo e outra foi transportada por um caminhão cegonha, flagrado em Minas Gerais.

(Agência Brasil)

Preso no Paraguai bandido que mandou matar policial ipiauense


Um dos líderes da facção Bonde do Maluco que atua em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador, foi preso no Paraguai. Fábio Souza dos Santos, conhecido como Geléia, foi localizado na cidade de Minga Guazú, na fronteira com o Brasil. Ele estava dentro de um veículo junto com outros dois homens quando foi abordado pela polícia local.

Segundo os policiais paraguaios, o trio estava dentro de um carro de luxo, modelo Tucson. Durante as buscas, os agentes descobriram que Fábio era envolvido com o tráfico de drogas. Além dele, Jorge Luiz Santa Cruz e Jorge Javier Martinez Amarilla foram levados para a delegacia. Com o grupo, armas e munições foram apreendidas. De acordo com as investigações, “Geléia” atua em Vila de Abrantes e foi o mandante da morte do policial civil Luiz Alberto dos Santos, lotado na 26ª Delegacia Territorial (DT). O agente foi surpreendido quando passava, a bordo de seu próprio carro, pela BA-526 (Cia-Aeroporto) em outubro de 2017. Ele morreu na hora. A família de Luiz residiu por muitos anos na Rua Walter Hollenwerger, antiga Batateira, centro de Ipiaú, onde possuía uma serralheria. Poucos meses antes da morte, ele e o pai estiveram em Ipiaú visitando amigos. “Geléia” faz parte do grupo do BDM comandado por Vinícius dos Santos Bacelar, conhecido como “Fofão”. Ele está preso após megaoperação da Secretaria da Segurança Pública (SSP) também em outubro do ano passado.

(Aratu Online)