Ibirataia: Polícia Civil encontra sinais de sangue em imóvel usado por suspeito de sumiço da jovem Caroline Santana


A Polícia Civil realizou, na noite desta quinta-feira (05), o cumprimento de um mandado de busca em uma residência na cidade de Ibirataia, em busca de pistas do paradeiro da jovem Caroline Assunção Santana, de 24 anos, conhecida como Carol, desaparecida desde o dia 10 de agosto (RELEMBRE).

      Polícia Civil na casa onde ocorreu o mandado de busca

De acordo com as investigações da Polícia Civil, a casa onde ocorreu o mandado de busca foi o lugar onde a jovem teria sido vista pela última vez. O imóvel pertencia ao principal suspeito pelo sumiço de Carol. A Polícia Civil o identificou como Valdir Santos Queiroz. A relação entre os dois, segundo informou a Polícia, era de amizade.

Na residência, uma equipe do Departamento de Polícia Técnica utilizou técnicas para encontrar indícios de algum crime. O delegado Rodrigo Fernando, ressaltou que mesmo depois de decorridos quase 90 dias, ainda é possível levantar se no local ocorreu algo anormal. ”Foi utilizado substância de luminol e foi possível identificar vasta mancha de sangue em um dos quartos, que à época era utilizado por Valdir, a mancha seguiu pela sala da casa até a garagem. Isso demonstra mais um indício de uma conduta delituosa cometida em desfavor da desaparecida. As investigações prosseguem no intuito de elucidar de forma definitiva o ocorrido”, comentou o delegado.

A Polícia Civil informou ainda que após diversas diligências realizadas, além de três pedidos de quebra de sigilo telefônicos, foi possível verificar vários indícios que levam a crer no envolvimento de Valdir com o desaparecimento da jovem Caroline. “Inicialmente, o último lugar que a mesma foi vista, foi justamente na casa do mesmo, sabendo-se que seu depoimento é cercado de contradições e inverdades. Logo após o início das investigações por parte da Policia Civil, o mesmo deixou a cidade de Ibirataia, de maneira repentina, na madrugada, para local incerto e ignorado, inclusive por seus familiares. No dia do desaparecimento da jovem, o mesmo realizou uma viajem para o município de Itagi, saindo de Ibirataia às 18h20min, utilizando uma estrada vicinal das seguintes regiões: zona rural do Guloso – Tingui – Córrego de Pedra – Santa Terezinha – Baixa Alegre. Um caminho totalmente anormal, estranho e que só foi possível descobrir, graças ao trabalho técnico de quebra de sigilo de dados. Foi verificado também que o suspeito, Valdir Santos Queiroz, deixou a Bahia, estando em outro Estado da Federação, local ainda não sabido”, relatou o delegado Rodrigo Fernando. (mais…)

Polícia encontra 30 músicas inéditas de Renato Russo, da Legião Urbana


Uma operação policial está mexendo com os ânimos de fãs da Legião Urbana, em especial daqueles que amam as composições de Renato Russo, morto em 1996.

Segundo informações do Jornal O Globo, policiais da DRCPIM (Delegacia de Repressão aos Crimes Contra Propriedade Imaterial) divulgaram um relatório que afirma a existência de pelo menos 30 “versões de músicas inéditas” de Renato, todas encontradas durante a Operação Será, que cumpriu mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro.

A investigação começou por conta de uma denúncia de Giuliano Manfredini, filho do lendário vocalista, que teria visto um perfil fake em redes sociais mencionando a existência das canções inéditas. A Polícia, então, descobriu que o autor das postagens estava em contato com um produtor musical e o material foi encontrado em estúdios de gravação e na própria residência deste produtor, respectivamente no Centro e na Zona Sul do Rio.

Giuliano foi ouvido nas investigações. Agora, a polícia quer saber onde estão as gravações mencionadas no relatório. O produtor musical que estava com o documento também deverá ser ouvido.

(mais…)

Padre Robson é acusado de desviar recursos para comprar fazendas e gado


O padre Robson de Oliveira Pereira é alvo de uma operação do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) que apura desvios de R$ 120 milhões de doações de fiéis em Trindade, na Região Metropolitana de Goiânia.

Padre Robson, de 46 anos, é fundador e ocupava a presidência da Associação Filhos do Pai Eterno (Afipe). Até então, ele também era o reitor do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno. Natural de Trindade, o religioso é uma figura presente na cena católica e tem um programa de TV em que promove momentos de reflexão com base em trechos da Bíblia e experiências pessoais, além de conselhos àqueles que pedem orientação religiosa.

Batizada de “Vendilhões”, a operação que apura as irregularidades cumpriu, nesta sexta-feira (21), 16 mandados de busca e apreensão, inclusive, em imóveis ligados ao padre. O Ministério Público de Goiás (MP-GO) investiga se o dinheiro pode ter sido usado para compras de bens luxuosos, entre eles, uma fazenda de R$ 6 milhões em Abadiânia, no leste de Goiás, e uma casa de praia, no valor de R$ 3 milhões, em Guarajuba (BA). No fim da tarde desta sexta, o padre Robson pediu afastamento de suas funções do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno e da Afipe.

(mais…)

Empresa de Presidente Tancredo Neves está entre investigadas por fraudes em contratos para combate a Covid-19


Uma empresa localizada na cidade de Presidente Tancredo Neves, no baixo sul da Bahia, está entre as nove investigadas na Operação deflagrada pelo Ministério Público de Sergipe (MP-SE), por meio do Grupo Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), na manhã desta quinta-feira (20) (RELEMBRE). A operação investiga fraude e desvio de recursos estaduais milionários destinados para o combate à Covid-19 por meio de contratos feitos pela prefeitura de Carmópolis, no estado de Sergipe, com empresas baianas.

De acordo com o MP-SE, foram cumpridos mandados de busca e apreensão na empresa. O sócio da instituição não foi localizado. Mandados de busca e apreensão também foram cumpridos em uma empresa localizada em Salvador, no prédio do edifício Wall Street, na avenida Paralela. O prefeito Beto Caju (SD), da cidade de Carmópolis, no Leste de Sergipe, foi afastado do cargo. (mais…)

PF faz operação na Bahia, Sergipe, Pernambuco e Alagoas contra desvio de verbas para combater Covid-19


A Polícia Federal (PF) cumpre dois mandatos de busca e apreensão em Salvador e em Novo Triunfo, no nordeste Baiano, por suspeita de fraudes em licitações para compra de equipamentos de combate ao coronavírus. Além da Bahia, a operação “Estroinas” acontece nesta quinta-feira (20), em Sergipe, Pernambuco e Alagoas.

Ao todo serão cumpridos 32 mandados de busca e apreensão expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região em uma deflagração conjunta de duas operações, uma do Ministério Público de Sergipe (MP-SE) e outra da PF em Sergipe.

O MP e a PF fizeram duas investigações distintas, esta última em razão de investigações de contratos envolvendo verbas públicas federais. O Grupo de Apoio Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e a Polícia Civil também participaram da operação.

Conforme informações da Polícia Federal, na investigação que motivou a expedição dos mandados, apurou-se que mais de R$ 2 milhões vindos do Sistema Único de Saúde foram gastos para a contratação direta de 9 empresas com fortes de indícios de fraude.

Crimes: Entre as suspeitas, estão que algumas destas empresas são fantasmas, que sócios de algumas são laranjas, superfaturamento, que alguns dos bens adquiridos para o enfrentamento da pandemia de Covid-19 nem sequer foram utilizados e ainda que parte dos produtos contratados não foi efetivamente fornecida ao município.

Foi determinado o afastamento cautelar do Prefeito de Carmópolis, em Sergipe, além de um Secretário Municipal de Saúde. Os envolvidos estão sendo investigados por suposta prática dos crimes de dispensa indevida de licitação, corrupção passiva e corrupção ativa. As in formações são do A Tarde. (mais…)

Ubaitaba: MP-BA apura falta de testes rápidos para Covid-19 no município


O Ministério Público estadual (MP-BA) está apurando a possível falta de kits de testes rápidos para detecção da Covid-19 no município de Ubaitaba. Na última terça-feira (14), o promotor de Justiça Allan Santos Góis encaminhou ofícios à prefeita municipal, ao secretário de saúde e à coordenadora do Núcleo Regional de Saúde Sul de Ilhéus solicitando que prestem informações sobre a indisponibilidade dos testes e providências adotadas.

De acordo com o promotor de Justiça, o MP-BA recebeu representação de cidadão local relatando a situação. As informações seriam de que a Secretaria de Saúde do município afirmou que não teria os testes e que o Ministério da Saúde não estaria mais recomendando a aplicação dos mesmos. (mais…)

MP-RJ intima ex-mulher de Bolsonaro a depor sobre ‘rachadinha’ no gabinete de Carlos Bolsonaro


O Ministério Público do Rio (MP-RJ) intimou a ex-esposa do presidente Jair Bolsonaro, Ana Cristina Siqueira Valle, para prestar depoimento no inquérito que investiga prática de rachadinha e uso de funcionários-fantasmas no gabinete do vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos). Segundo o site CNN, os investigadores esperam ouvi-la na próxima quinta-feira (09). Ana Cristina é mãe de Jair Renan, um dos filhos do presidente.

Carlos Bolsonaro é alvo de uma investigação do Ministério Público do Rio desde o ano passado. Nesta semana, o MP-RJ informou que enviou 21 ações contra vereadores para a primeira instância, depois de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF). Antes, vereadores tinham foro privilegiado previsto na Constituição do estado do Rio, com direito a serem julgados por desembargadores.

Ana Cristina Siqueira Valle foi chefe do gabinete de Carlos Bolsonaro entre 2001 e 2008. Ela hoje trabalha no gabinete de um vereador em Resende, no Sul Fluminense, onde vive sua família. A  família dela aparece aparecem na investigação sobre o esquema de “rachadinhas” apurado pelo MP-RJ no gabinete do agora senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). Membros da família que residiam em Resende sacavam quase todo o salário que recebiam da Assembleia Legislativa do Rio para “repassar a outros integrantes da organização criminosa”, de acordo com documento do MP. As informações são do CNN. (mais…)

Operação apura irregularidades em compras de testes para covid-19 no DF, Bahia e outros 6 estados


Uma operação que apura irregularidades na compra de testes de Covid-19 foi deflagrada nesta quinta-feira (2). A operação, que foi denominada “Falso Negativo”, cumpre mandados de busca e apreensão no Distrito Federal, NA Bahia e em seis outros estados: São Paulo, Espírito Santo, Rio de Janeiro, Goiás, Santa Catarina e Paraná. Na Bahia, a PF cumpre mandados nos municípios de São Gabriel e Irecê.

A operação é comandada pelos Ministérios Públicos do Estado da Bahia e do Distrito Federal, por meio dos seus Grupos de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Mais de 500 agentes públicos cumprem 81 mandados de busca e apreensão em todo o país. Coordenador do Gaeco na Bahia, o promotor Adauto Araúlo informou que a operação no estado atende a uma recomendação do Ministério Público do Distrito Federal, que investiga lá a compra de testes da covid 19 que, segundo as investigações, teriam pouca eficiência e baixa qualidade.

Além disso, segundo o promotor, se investiga também um conluio entre as empresas e um sobrepreço nessas vendas de, aproximadamente, R$ 40 milhões.  “O Gaeco realizou cinco buscas e apreensões em empresas e uma residencia em São Gabriel e em Irecê. Essas diligências ainda estão em curso e, assim que forem encerradas, o material apreendido será enviado para análise pelo Gaeco do DF”, explicou. (mais…)

Wenceslau Guimarães: Ex-prefeito Nestor deve ser investigado por MP-BA e MPF


O ex-prefeito de Wenceslau Guimarães, Nestor Vicente dos Santos, deve ser investigado por apropriação indébita e improbidade administrativa [ato ilegal cometido por agente público]. Em sessão virtual realizada nesta quarta-feira (1°), o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-BA) determinou o encaminhamento do caso para os ministérios públicos Estadual e Federal, MP-BA e MPF na Bahia, respectivamente.

De acordo com a Corte de Contas, Nestor Vicente é acusado de irregularidades em convênio feito entre a prefeitura e a Caixa Econômica Federal em 2014. O caso se trata de não repasse à Caixa de parcelas de empréstimos consignados em folhas de pagamento de servidores públicos, sem expressa autorização no texto da Lei Orçamentária, como exigido pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

Na defesa, o ex-prefeito reconheceu a retenção de valores nos pagamentos aos servidores municipais e a ausência do repasse à instituição financeira. Para a relatoria, o fato configura ilícito, mesmo em uma suposta crise financeira municipal. Ainda Cabe recurso da decisão. As informações são do Bahia Notícias. (mais…)

Ipiaú: Secretaria da Câmara de Vereadores é alvo de operação da Polícia Civil


Foto: Giro Ipiaú

Equipes da Polícia Civil realizam na manhã dessa terça-feira (30), uma operação na secretaria da Câmara de Vereadores de Ipiaú, localizada na Rua Anchieta, centro da cidade. Segundo o Giro Ipiaú, a ação cumpre mandados de busca e apreensão e investiga supostas irregularidades em contratos assinados pela Câmara, em especial no que diz respeito a fornecimento de combustíveis. As investigações tiveram início após denúncia na delegacia da Polícia Civil. A operação foi autorizada pelo Poder Judiciário.

Segundo antecipou o delegado Rodrigo Fernando, foram apreendidos três computadores na secretaria da Câmara, além de outros documentos. Um endereço na cidade de Jitaúna também foi alvo da operação. A Polícia Civil irá divulgar ainda hoje mais detalhes da ação.O presidente da Câmara, vereador Alessandro Moreira, o San de Paulista, divulgou uma nota comentando o caso. Confira:

“A Câmara Municipal de Ipiaú, em vista os acontecimentos noticiados nas redes sociais, vem a público esclarecer o seguinte: Que na manhã de hoje, a Câmara Municipal foi surpreendida com a chegada de Policiais Civis para apuração de supostas irregularidades no âmbito do Poder Legislativo local, no tocante a contratos em execução, após denúncias realizadas pelo Vereador Cláudio Manoel Costa Nascimento. Diante dos fatos esclarece a Câmara que nada tem a opor quanto ao acesso total de todos os documentos e as atividades relacionados ao Poder Legislativo. Informa que as contratações e os processos licitatórios foram realizados com a mais ampla legalidade, o que é acompanhado pelo Tribunal de Constas dos Municípios. Informa ainda que está a total disposição das autoridades policiais para contribuir com as investigações, na plena ciência que os fatos foram motivados por divergências políticas e com o nítido propósito de atingir a imagem pessoal do Presidente”.

As informações são do Giro Ipiaú. (mais…)