Ipiaú: Adolescente morre afogado no Rio das Contas


afogamento

Um adolescente identificado como Alaison Jesus dos Santos, de 15 anos, morreu na manhã dessa sexta-feira (17), vítima de afogamento no Rio das Contas, no bairro Aparecida em Ipiaú. De acordo com testemunhas, no momento do afogamento, Alaison estava em uma canoa acompanhado de seu irmão Caliel Jesus dos Santos, de 13 anos, quando acabaram caindo no rio. Um outro adolescente que estava à margem do rio por pouco também não se afogou ao tentar salvar os amigos. Em seguida Caliel foi socorrido por populares que não conseguiram resgatar seu irmão. O corpo de Alaison foi removido pelo DPT de Jequié e encaminhado para o IML. (Bahia em Dia)

Jequié: Mulher comete suicídio ao pular da Pedra do Curral Novo


selmaUma Mulher cometeu suicídio na Pedra do Curral Novo, em Jequié. A autora desta tragédia foi Selma Santos Oliveira, de 30 anos de idade. O suicídio ocorreu por volta das 7 horas da manhã desta quinta-feira (16), no bairro Curral Novo. Segundo informações, Selma subiu na pedra e foi percebida por alguns moradores logo cedo, em seguida a mulher se atirou do precipício, a equipe de resgate do Corpo de Bombeiro foi chamada mas já era tarde, Selma morreu na hora. A redação do BJM conversou com familiares e eles informaram que o suicídio pode ter sido provocado por conta de uma depressão. Tudo teria começado quando Selma emprestado o seu nome para uma mulher tomar um empréstimo de 20 mil reais e não pagou a dívida, a partir daí Selma ficou depressiva e já teria tentado se matar outras vezes ingerindo veneno. Selma morava no bairro Curral Novo, próximo a Pedra e deixa dois filhos. Uma cena chocante foi quando a mãe, Celia Santos Oliveira, chegou ao IML para fazer o reconhecimento do corpo da filha, aos gritos e pratos ela não resistiu e desmaiou sendo socorrida até voltar a estado normal.

(Blog Junior Mascote)

PF desarticula esquema de tráfico internacional de pessoas na Bahia e mais três estados


índice

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira (15) a Operação Marguerita, com o objetivo de desarticular grupo criminoso internacional especializado em tráfico de pessoas para fins de exploração sexual. As vítimas eram levadas de Fortaleza (CE) para a Itália e Eslovênia. Além do Ceará, a operação ocorre na Bahia, São Paulo e Minas Gerais.

Cerca de 92 policiais federais cumprem 13 mandados de busca e apreensão, 13 mandados de prisão preventiva, 2 mandados de prisão temporária e 18 mandados de condução coercitiva, todos expedidos pela 32ª Vara da Justiça Federal no Ceará. A assessoria da PF na Bahia não foi localizada para informar quantos e onde estão sendo cumpridos os mandados na Bahia. Já a comunicação da PF no Ceará disse que só terá essa informação à tarde. A operação conta, ainda, com a participação de autoridades policiais da Itália e Eslovênia.

A rede criminosa é composta por aliciadores, responsáveis pelo recrutamento, transporte, viagens para o exterior, acolhimento, alojamento e exploração sexual de vítimas (mulheres) nos países de destino. O crime de tráfico internacional de pessoas com a finalidade de exploração sexual trata de grave violação de direitos humanos, considerando a situação de vulnerabilidade das vítimas, que muitas vezes, iludidas pelos aliciadores, mediante fraude, são levadas a países da Europa e submetidas à condição degradante. Os presos serão indiciados por crime de tráfico internacional de pessoas para fins de exploração sexual, associação criminosa e lavagem de dinheiro, com pena prevista de até 25 anos de reclusão.

A operação foi batizada de “Marguerita” em alusão ao nome da principal boate (Margerita) na Eslovênia, onde se exploravam sexualmente as vítimas. (Correio 24horas)

Fugitivo do presídio de Jequié é recapturado com veículos roubados em Minas Gerais


joão

Está preso um dos foragidos do Presídio de Jequié, o meliante foi recapturado na segunda-feira (13) depois de uma denúncia crime a Polícia Militar de Divisópolis, Minas Gerais. A polícia minera recuperou uma Hilux que foi roubada na Bahia, e para a surpresa dos policiais outros veículos estavam escondidos em uma fazenda próximo ao povoado de salobro.

Na ocorrência foi preso portando um revólver calibre .38, o autor João Paulo Oliveira Lagoas, vulgo “Joãozinho Matador”, morador do município de Itapetinga-BA, foragido do presídio de Jequié onde estava preso por várias ocorrências, como roubo, homicídio e tráfico de drogas. João Paulo foi encaminhado para a Delegacia da cidade de Almenara juntamente com a arma de fogo e os veículos.

Ipiaú: Jovem morre em confronto com a PM no Santa Rita


antigo

Um homem identificado como UALACE SOUZA SANTOS, conhecido pelo vulgo “Antigo”, 22 anos, morreu em confronto com Policiais Militares do SOInt e do PETO da 55ª CIPM após confronto no bairro Santa Rita. Os policiais averiguavam uma denúncia de que o suspeito estaria armado com um revólver no Alto da Carolina comercializando drogas, na localidade conhecida como “Bruxolândia”.

Os policiais realizaram incursão a pé e localizaram o suspeito nas proximidades do local da denúncia. Ele ao ver os militares evadiu-se deflagrando disparos de arma de fogo contra os policiais, deixando para trás uma sacola com drogas. “Antigo” evadiu-se sentido bairro Santa Rita, sendo acompanhado pelos policiais, onde houve um novo confronto. Ualace foi atingido e levado até o Hospital Geral de Ipiaú, mas não resistiu aos ferimentos. Com ele os policiais encontraram 01 revólver calibre. 38 e na casa onde se homiziou foi encontrado cerca de 1kg de maconha.
“Antigo” já era um velho conhecido dos boletins policiais. Ele já havia sido preso em 2011 por tráfico de entorpecentes e recentemente foi preso na zona rural da cidade de Wenceslau Guimarães, onde havia roubado um Armazém de Cacau juntamente com outros dois comparsas. Na ocasião um veículo roubado na região de Camamu também foi apreendido. Ele também era suspeito de pelo menos dois homicídios na cidade de Ipiaú e de pertencer a uma facção criminosa que tenta se instalar na cidade. (Ocorrência Policial)

Acusada de dar golpe em Renato Augusto, irmã de Léo Moura leva surra e é expulsa de casa pela mãe


RenatoeLeo

Depois da polêmica com o jogador Renato Augusto, quando foi acusada de dar um calote de quase R$ 200 mil no jogador, a irmã do lateral Léo Moura foi expulsa de casa. Como tem amizade com Léo há muitos anos, o meia convidou a irmã dele para organizar sua festa de um ano de casado. No entanto, ao conferir os pagamentos, percebeu a cobrança de valores indevidos, além de desvio de verba. Ao tomar conhecimento da atitude da filha, a mãe de Lívia, Lenice Moura, não pensou duas vezes, deu uma surra na filha e a expulsou de casa.

Renato Augusto denunciou Lívia à polícia sob acusação de estelionato e roubo, e cobra dela um prejuízo de R$ 200 mil – valor que deveria ter sido usado para pagar as atrações musicais da festa e que não foram repassados. Renato pagou diretamente à empresa Divershow, de Lívia, o valor que seriam repassados às cinco atrações famosas que animaram a festa – a bateria da escola de samba Mangueira, Belo, MC Marcinho, Rodriguinho e Thiaguinho. Péricles também foi contratado, mas não compareceu por não ter recebido o cachê de R$ 40 mil. Porém, todos os artistas foram pagos com cheques após o evento, e todos tiveram o pagamento recusado por problemas na assinatura. Constrangido com a situação, Renato Augusto desembolsou R$ 160 mil para pagar um por um e exigiu ressarcimento dos R$ 40 mil a Lívia.

A irmã de Léo Moura chegou a fazer um depósito no valor de R$ 44 mil (em cheque) e enviou o recibo da transação ao jogador por WhatsApp. No entanto, o envelope inserido no caixa eletrônico estava vazio. A imagem do recibo consta na notícia-crime prestada pelo jogador à polícia. Além de toda essa confusão, Renato Augusto alega ainda que duas folhas de cheque foram furtadas de sua casa, sendo que uma delas foi usada sem autorização para um depósito de R$ 100 mil, nominal ao cantor Thiaguinho – esse cheque foi um dos que voltaram, por divergência de assinatura. (Correio)

Governo e associações anunciam fim da greve dos PMs no Espírito Santo


191462,475,80,0,0,475,365,0,0,0,0

Associações de militares e Governo do Espírito Santo entraram em acordo para o encerramento do movimento que tirou das ruas os policiais e bombeiros militares do Espírito Santo. No documento, fica previsto o retorno para este sábado (11) as 7h, com todos os batalhões e quartéis liberados. O Governo do Espírito Santo não atendeu ao pedido de reajuste, mas ficou de apresentar uma proposta de reajuste no final de abril deste ano, caso a apuração das contas públicas e os resultados fiscais do estado, permitam. Este índice também seria oferecido a outras categorias do serviço publico estadual.

Ontem, sexta-feira (10), a Secretaria de Segurança Pública informou que 703 PMs foram indiciados pelo crime militar de revolta, que prevê de 8 a 20 anos de prisão. Esses policiais deixarão de receber salário e escalas extras desde o último sábado (4) até o momento em que voltarem a trabalhar. O Estado tem cerca de 10 mil PMs. As mulheres de policiais também poderão ser responsabilizadas pela paralisação. Segundo o secretário, por solicitação do Ministério Público Federal, elas estão sendo identificadas e poderão ser indiciadas em um processo civil. Ele não informou quantas delas.

Com o motim dos policiais, o Estado do Espírito Santo passa por uma onda de violência, com registro de saques e depredações, além de 127 homicídios, segundo o Sindicato dos Policiais Civis -o governo não confirma o número. (FolhaPE)

Tancredense é encontrado morto ao lado de carro incendiado na zona rural de Teolândia


bahia em dia

Na manhã deste sábado (11), um homem identificado pelo prenome de Uellington foi encontrado morto ao lado de um veículo incendiado, na estrada vicinal que dá acesso a região do Tanque Grande, zona rural do município de Teolândia.

Segundo informações, a vítima, apresentava perfurações de arma de fogo e estava próximo do seu próprio carro, o qual se encontrava queimado, não sendo possível visualizar a identificação da placa. Ainda segundo informações, Uellington é morador do Distrito de Corte de Pedra, município de Presidente Tancredo Neves, e atualmente trabalhava como vendedor ambulante. A polícia ainda não tem suspeitos do crime e nem a motivação. (Bahia em Dia)

Termina sem acordo reunião entre governo e mulheres de PMs no Espírito Santo


imagens

Terminou sem acordo a segunda reunião entre os secretários do governo do Espírito Santo e representantes das mulheres e das associações de classe dos policiais militares (PMs). Após dez horas de reunião, que acabou no início da madrugada desta sexta-feira (10), as mulheres não aceitaram a proposta do governo. Com esse resultado, a paralisação dos PMs, que já dura sete dias, continua sem solução. O governo propôs que eventuais crimes praticados e infrações administrativas serão apurados com isenção e ”sem qualquer tipo de perseguição” aos policiais. Também se comprometeu a apresentar um cronograma para concretizar as promoções previstas em lei que não tenham sido efetivadas para que todos os PMs que tenham direito sejam promovidos até o fim do ano. As lideranças do movimento pedem a anistia aos policiais, que são proibidos pela Constituição de fazer greve, e reajuste salarial. ”Com relação à contraproposta apresentada pelo movimento das mulheres, familiares e amigos dos policiais militares, na qual pedem ao governo 20% de reajuste imediato e 23% de reajuste escalonado, o Comitê, com base nas justificativas já apresentadas, especialmente no que tange à obediência à Lei de Responsabilidade Fiscal, reitera a impossibilidade fiscal e legal da concessão do pleito”, diz a ata da reunião. (mais…)

Ubaitaba: Solto vereador preso com cerca de 300 kg de drogas


750_2017210132036326O vereador de Ubaitaba Messias Aguiar (PMDB), 34 anos, preso com cerca de 300 kg de drogas um dia após ser eleito, foi solto nesta sexta-feira (10). O habeas corpus foi concedido pelo desembargador José Alfredo Cerqueira da Silva ontem quinta-feira (9). O desembargador acatou os argumentos da defesa de que o parlamentar não tem antecedentes criminais e que, como vereador, não deve “se furtar à aplicação de lei penal”, caso seja condenado no futuro.

Na época da prisão, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) afirmou que a campanha do peemedebista foi financiada pelo tráfico de drogas. Contudo, o vereador nega envolvimento com o crime e alega que as drogas não pertenciam a ele. O vereador foi detido após a Polícia Militar receber uma denúncia anônima, no dia 3 de outubro, relatando a presença de pessoas com droga em uma fazenda na zona rural de Ubaitaba. Com ele, foram encontradas 270 kg de maconha, 2 kg de cocaína, uma balança de precisão e sacos plásticos para embalar a droga.

Mesmo preso, Messias Aguiar foi diplomado, por meio de procuração, como vereador no dia 5 de janeiro deste ano. Agora que foi solto, ele começa a trabalhar na Câmara de Vereadores na próxima quarta-feira (15). (A Tarde)