Ibirataia: PM detém grupo com armas e drogas no Massaranduba


Policiais Militares do 3º Pelotão/Ibirataia foram informados através de denúncia anônima sobre um adolescente que teria participado da tentativa de homicídio de Jaqueline Oliveira da Silva, ocorrida em 17 de agosto deste ano (RELEMBRE O CASO). Os policiais realizaram uma incursão a pé pela área rural até avistarem o adolescente juntamente com outros cinco indivíduos que estavam embalando drogas, estes identificados posteriormente. Com o suspeito de iniciais E.O.J., que já possui passagem por tráfico de entorpecentes (RELEMBRE O CASO), foi apreendido um revólver calibre .32, municiado com 04 cartuchos intactos.Ao emanarem a voz de abordagem, dois suspeitos tentaram fugir, mas foram detidos pelos policiais. Outro suspeito identificado como Gilvan Menezes Rolemberg, conhecido como “Van seco”, estava ao lado de um revólver calibre .22 desmuniciado. Van já possui diversas passagens policiais. Nenhum dos suspeitos ofereceu resistência. Os outros detidos foram Patrick Pena de Souza e os adolescentes S.D.N., R.S.S. e L.S.S. Ao todo os policiais apreenderam 160 buchas de maconha embaladas separadamente prontas para a venda, 15 pedras de crack, dois revólveres, R$ 137,00, 02 aparelhos celulares e um relógio. A ocorrência foi lavrada na delegacia local.

(Ocorrência Policial)

Gandu: Dupla morre em confronto com a PM


                    Vevéi, um dos suspeitos mortos

Dois homens morreram em confronto com policiais militares na tarde desta quarta-feira (05), em Gandu. O caso ocorreu por volta das 15s, na zona rural do município.

De acordo com informações da PM, o confronto ocorreu após uma guarnição do PETO da 60ª CIPM ir verificar uma informação que um veículo Astra de cor preto, em atitude suspeita, havia evadido sentido à Gandu, logo após não respeitar a ordem de parada dos policiais do distrito de Itamarati, em Ibirapitanga.

Ainda segundo a corporação, um bloqueio policial foi realizado no posto da PRF na BR-101, mas o veículo suspeito, novamente, tentou evadir por uma vicinal. Durante a aproximação dos policiais, os suspeitos atiraram contra a guarnição. Houve revide e os suspeitos foram baleados, chegaram a ser levados para o Hospital João Assis em Gandu, mas não resistiram aos ferimentos e vieram a óbito. Com os suspeitos, identificados como Girlan Bastos Santos e Antônio Carlos de Jesus, vulgo “Vevéi” foram encontrados uma espingarda Cal. 12, um revólver Cal. 32, dois celulares, um relógio e uma corrente de prata, além de 1kg de maconha e R$ 194,00 em espécie. Todo o material apreendido foi apresentado na delegacia de Gandu.

De acordo com a 60ª CIPM, Vevéi tem uma longa ficha criminal. Recentemente foi preso com uma arma de fogo e um veículo S10 roubado na rua do Carrapato, povoado de Rio Preto, em Wenceslau Guimarães (RELEMBRE O CASO).

(Bahia em Dia)

Itagi: Polícia Militar prende fugitivo do presídio de Jequié


Um foragido do Conjunto Penal de Jequié foi preso durante patrulhamento da Polícia Militar, nesta quarta-feira (04), em Itagi. De acordo com a PM, os policiais faziam rondas e abordagens na zona urbana, quando desconfiaram do comportamento do suspeito.

Ainda segundo a PM, Marco Antonio dos Santos Fernandes, foi abordado e, após revista pessoal e pesquisa no sistema integrado da polícia, foi constatado que o mesmo teria se beneficiado de uma saída temporária e não mais retornado ao Conjunto Penal de Jequié. Marco Antonio foi encaminhado até a delegacia de Itagi para a  para a realização dos procedimentos cabíveis.

(Bahia em Dia)

Jitaúna: Homem em liberdade condicional é preso após ameaçar o pai de morte


Um homem em liberdade condicional foi novamente preso, desta vez, por ter ameaçado matar o próprio pai na manhã desta terça-feira (04), em Jitaúna.
Aílton de Souza, de 41 anos, foi detido após ser denunciando pela vítima, Valdeci Alves Pinheiro.
Após ser acionada, a polícia compareceu ao local dos fatos e flagrou Aílton em posse de um facão. Diante dos fatos, Aílton recebeu voz de prisão e juntamente com seu pai foram conduzidos para a delegacia local.
De acordo com a polícia, Aílton já havia cumprido pena por um homicídio ocorrido no ano de 2016 na cidade de Itagi.
(Bahia em Dia)

Pastor é preso acusado de abusar de crianças e adolescentes em igreja no MT


Um pastor evangélico de 53 anos, identificado como Justino Ireno da Costa, foi preso na última terça-feira (28) acusado de ter estuprado meninos e adolescentes que frequentavam a sua igreja, localizada no bairro Mangabeira, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

Cerca de 10 menores teriam sido abusados, sete deles foram identificados e confirmaram o crime para a Polícia Civil, através de depoimentos dados pelas próprias vítimas ao delegado Cláudio Alvares Santana, da Delegacia Especializada do Idoso, Criança e Adolescente (Deddica). A prisão aconteceu depois de quase sete meses de investigação. Apesar das acusações, o religioso negou os estupros, mas confessou que dava dinheiro aos garotos. Os abusos foram descobertos depois que uma mãe descobriu que o filho era abusado e denunciou o homem à polícia.

Segundo a polícia, o homem, se utilizando da condição de pastor, se aproximava das famílias até adquirir a confiança dos pais. Em seguida, cometia os crimes. Algumas das crianças ouvidas pela polícia relataram que, muitas vezes, o pastor oferecia dinheiro em troca de favores sexuais. O pastor vai responder por estupro de vulnerável e corrupção de menores.

Jequié: Foragidos da Justiça são presos durante abordagens a ônibus


Um homem e uma mulher, foragidos da Justiça, foram presos na madrugada desta quinta-feira (30) em um trecho da BR-116 em Jequié. O flagrante ocorreu por volta de 1h em um ônibus que tinha saído de Campinas, interior de São Paulo, com destino final em Salvador. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF-BA), durante a fiscalização foi encontrado um mandado de prisão contra um dos passageiros. A ordem de prisão foi emitida pelo Tribunal de Justiça do Estado do Amapá pelo crime de estelionato, ocorrido em novembro de 2014 em Macapá, capital do estado. Ainda segundo a PRF-BA, na noite desta quinta-feira (29) uma mulher foragida, de 32 anos, também foi localizada, em um ônibus que fazia a linha São Paulo-Natal. O mandado foi expedido contra ela foi expedido pelo Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) por tráfico de drogas. O crime ocorreu em 2015 em Alagoinhas. Os dois acusados foragidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil em Jequié.

Wenceslau Guimarães e mais quatro municípios baianos são alvo de operação da PF contra crimes eleitorais


Wenceslau Guimarães, Salvador, Vitória da Conquista, Itabuna e Lauro de Freitas foram as cidades baianas que foram alvo da Operação Condotieri da Polícia Federal, na manhã desta quinta-feira (30). Além da Bahia, a PF deflagrou a operação na cidade do Rio de Janeiro/RJ e Cuiabá/MT.

Ao todo, são 29 mandados de busca e apreensão, 23 medidas cautelares e 61 ordens de intimação. A operação visa combater crimes eleitorais cometidos nos três estados.

De acordo com a PF, um candidato a vereador em Vitória da Conquista, eleito em 2016, teria oferecido empregos no presídio da cidade em troca de votos. Há suspeitas também do uso da estrutura de órgãos públicos, como o Detran e a zona azul, para o mesmo objetivo e para falsificar recibos entregues na prestação de contas à Justiça Eleitoral. Ainda segundo os investigadores, estariam envolvidos no esquema um ex-presidente da Câmara de Vereadores de Vitória da Conquista, o assessor de um deputado federal, um ex-deputado estadual da Bahia, assessores, o ex-diretor do 4º Ciretran de Vitória da Conquista, membros da empresa que administra o novo presídio de Vitória da Conquista, sócios administradores do consórcio zona azul, entre outras pessoas. Os nomes não foram divulgados.

Jitaúna: Mulher ameaça companheiro com faca e acaba detida pela PM


Uma mulher de 37 anos foi presa, nesta terça-feira (28), no Centro de Jitaúna, por ameaçar seu companheiro de morte.

Após serem acionados e informados que uma mulher teria tentado esfaquear o próprio companheiro, policiais militares da 4ªCia se deslocaram até o local do ocorrido. Ao chegar no local, os policiais encontraram a suspeita, identificada como Ivonete Santana dos Santos, em posse de uma faca praticando desordem. Em seguida, os envolvidos foram encaminhados à delegacia local para adoção das medidas cabíveis.

(Bahia em Dia)

Itapetinga: Sargento da PM é preso acusado de estuprar sogra de 70 anos


Um sargento da PM, de 47 anos, foi preso nesta terça-feira (28), suspeito de abusar sexualmente sua própria sogra, uma idosa de 70 anos, em Itapetinga, a 458 quilômetros de Salvador. O crime aconteceu no bairro Otávio Camões e foi descoberto após a esposa do sargento flagrar, junto com a filha do casal, o acusado estuprando a idosa que sofre com problemas de saúde.

De acordo com o comando da 8ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Itapetinga), o policial foi localizado e encaminhado à delegacia da cidade, onde foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável. O comandante da unidade, Haroldo de Araújo Horta, disse em entrevista a um site da região que o acusado aparentava tranquilidade e não resistiu à prisão.

Em nota, a PM informou que o sargento foi apresentado na Corregedoria Geral da corporação, em Salvador, e posteriormente seguirá para a Coordenadoria de Custódia Provisória (CCP), no presídio em Mata Escura.

‘Eu queimei ele’, diz mãe suspeita de matar e esquartejar bebê em Itabuna


Uma mulher de 39 anos foi presa por suspeita de matar, queimar e esquartejar o filho, um bebê de um mês de idade, na cidade de Itabuna, revelou à polícia onde escondeu o cadáver. Ela desenterrou os restos mortais da criança após ter levado os investigadores até o local.

O corpo da criança foi escondido embaixo de uma árvore. De acordo com informações da Polícia Civil, o crime foi descoberto depois que familiares dela denunciaram o desaparecimento do bebê. O menino tinha sido levado de casa pela mulher e não retornou com ela. Rosemare de Oliveira disse que queimou a criança depois de perceber que ela estava morta e nega ter usado um canivete para ferir o filho. “Não usei canivete. Eu queimei ele. Ele estava morto. Eu sei que ele estava morto porque o corpo estava gelado. Eu não usei canivete nenhum nele, porque eu não ia maltratar meu filho. Não tem sangue meu ou dele, não tem marca nenhuma. Eu nunca usei esse canivete, eu só uso porque tenho medo de alguém fazer alguma coisa comigo. É uma auto-defesa minha”, revelou.

Conforme a polícia, em depoimento, a mãe contou que enterrou o filho depois que ele passou mal e morreu. No entanto, após desenterrar a criança, policiais do Departamento de Polícia Técnica (DPT) descobriram que o menino tinha sido assassinado. Segundo o DPT, o corpo dele estava esquartejado. De acordo com a polícia, a mulher sofre de depressão. Ela foi autuada por infanticídio e levada para a carceragem da Delegacia de Itabuna, onde está à disposição da Justiça. O caso está sob investigação da Polícia Civil. O corpo do menino foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Itabuna.

(G1)