Moro é dono de triplex e recebe auxílio moradia


Em matéria publicada na Folha de São Paulo, na edição dessa sexta-feira (02) mostra que o Juiz Sérgio Moro, ironicamente, também é dono de Triplex, tal como a OAS. Porém, não haveria problema algum, se o juiz não recebesse auxílio-moradia de R$ 4,3 mil. Ou seja, a lei veda o recebimento de auxílio moradia, caso o juiz tenha imóvel na cidade do tribunal ao qual atua.

O Triplex de Moro fica há apenas 3 km do TRF-4 de Curitiba, onde o juiz atua, uma distância que poderia ser cumprida a pé. O imóvel apresentado pela Folha de São Paulo é um Triplex adquirido em 2002, com 256 metros quadrados, ou seja, enorme para os padrões nacionais. O imóvel foi adquirido por R$ 174 mil e atualizado, custa R$ 460 mil.

Ibirataia: Após divulgação em blogs, vereadores negam aprovação de projeto que garante 13º para agentes políticos


Após alguns blogs de Ibirataia e região publicarem matérias sobre a Câmara Municipal de Ibirataia que teria aprovado o Projeto de Lei que garante o pagamento do 13º salário para a prefeita, vice, secretários e dos próprios vereadores, alguns parlamentares se manifestaram nas redes sociais demostrando estarem surpresos e, ainda afirmaram que desconheciam as informações divulgadas. De acordo com as publicações, o Projeto de Lei Municipal Nº 1138, de 12 de dezembro de 2017, foi sancionada pela Prefeita Ana Cléia (PSD), sendo divulgada no Diário Oficial Municipal no dia 18 de janeiro de 2018. Vale lembrar que nas publicações não foi divulga a data que ocorreu a votação e nem a quantidade de votos. Diante desses fatos, a reportagem do Bahia em Dia entrou em contato com alguns vereadores para obter maiores informações.

Em contato com vereador Toi de Berenga, o mesmo se demostrou surpreso e disse, ”infelizmente, eu acho que houve algum erro de publicação, porque, eu mesmo não tenho conhecimento da aprovação desse projeto”. Ele também nos relatou que estava averiguando a situação, pois não ocorreu nenhuma votação nesse sentido.

O vereador Marquinhos do Cacau, contou que ficou sabendo da aprovação dessa LEI pelas redes sociais. Ele ainda disse, ”estávamos esperando esse projeto para este ano, houve alguma ação irregular. Não votamos, fui algumas vezes na Câmara para esclarecer essa situação, mas não conseguir ter acesso ao projeto.”

Segundo o vereador Juca Muniz, quando retornar aos trabalhos internos da câmara, o mesmo irá tomar as providências necessárias para expor a comunidade o seu posicionamento sobre esse assunto.

A nossa reportagem também entrou em contato com outros vereadores, que da mesma maneira se demostraram surpresos com a informação, porém, preferiram se pronunciar logo após voltarem do recesso do mês de janeiro. Por sua vez, o presidente da Câmara, Marco Pina, não quis se pronunciar.

Segundo informações em off, realmente, em momento algum houve votação, apenas uma reunião foi realizada no mês de dezembro, onde foi discutido o assunto. Na ocasião boa parte dos parlamentares estariam interessados em aprovarem o projeto. Ainda segundo a informação, alguns vereadores se reuniram nesta semana e, em seguida marcaram uma outra reunião, onde estão discutindo sobre o assunto.

Enquanto isso, só nos resta perguntar. O projeto realmente foi votado e aprovado?, quem votou contra e a favor?.

(Bahia em Dia)

Sem Lula, diversos candidatos tem chance no segundo turno


Datafolha divulgou nesta quarta-feira (31), a primeira pesquisa eleitoral após a condenação em segunda instância, o que torna o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, inelegível. Sem o petista a disputa por uma vaga no segundo turno se acirrou. Mesmo estando hipoteticamente inelegível, Lula aparece com 37% das intenções de voto. Sem Lula, Bolsonaro teria 18%, Marina 13%, Ciro 10%, Alckmin 8% e Luciano Huck 8%, estão tecnicamente empatados.

O Datafolha ouviu 2826 pessoas, em 174 municípios, a margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos, e a pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral, com número BR05351/2018. Num segundo turno, tanto Marina, quanto Lula derrotariam Bolsonaro,  (49% a 32%), (42% a 32%), respectivamente. Mesmo condenado Lula ainda conserva seu eleitorado, oscilando nos números entre (34% e 37%). Num segundo turno o ex-presidente venceria Alckmin (49% a 30%) e também Marina (47% a 32%). Possível substituto de Lula, na eleição 2018, o ex-governador da Bahia, Jaques Wagner, aparece somente com 2%. Sem Lula 28% dos eleitores dizem não saber em quem votar, e 16% em branco ou nulo.

Jitaúna: MP recomenda a exoneração de parentes em cargos políticos na Prefeitura e Câmara de Vereadores


A Promotoria de Justiça de Jitaúna, dando conta da existência de pessoas ocupando cargos públicos em descompasso com o que determina a Súmula Vinculante n. 13, do Supremo Tribunal Federal; recomendou ao Prefeito Municipal de Jitaúna, Patrick Lopes, e ao Presidente da Câmara Municipal de Jitaúna que anule, no prazo de quinze dias, as nomeações de todos os ocupantes de cargos políticos não eletivos, cargos em comissão e funções de confiança ou contratados temporariamente que sejam cônjuges, companheiros ou parentes por linha direta, colateral ou afinidade, até terceiro grau, sejam destituídos por nepotismo.

O MP quer também que no prazo de trinta dias a Câmara Municipal de Vereadores proíba a nomeação para cargos políticos de parente até terceiro grau. A recomendação foi feita pelo Promotor de Justiça, Rafael de Castro Matias, no dia 12 de dezembro de 2017. Segundo informações, até o momento as pessoas com parentescos continuam exercendo seus trabalhos normalmente. A reportagem tentou contato com o Prefeito Patrick Lopes, mas não obtive respostas.

(Blog Junior Mascote)

Por unanimidade, TRF4 mantém condenação de Lula e aumenta pena para 12 anos de prisão


Por unanimidade, os três desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) votaram nesta quarta-feira (24) em favor de manter a condenação e ampliar a pena de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex em Guarujá (SP). Votaram no julgamento, que durou 8 horas e 15 minutos (além de uma hora de intervalo) o relator do processo, João Pedro Gebran Neto, o revisor, Leandro Paulsen e o desembargador Victor dos Santos Laus.

Em julgamento na sede do tribunal, em Porto Alegre, os desembargadores se manifestaram em relação ao recurso apresentado pela defesa de Lula contra a condenação a 9 anos e 6 meses de prisão determinada pelo juiz federal Sérgio Moro, relator da Operação Lava Jato na primeira instância, em Curitiba. Lula se diz inocente. Os três desembargadores decidiram ampliar a pena para 12 anos e 1 mês de prisão, com início em regime fechado. O cumprimento da pena se inicia após o esgotamento de recursos que sejam possíveis no âmbito do próprio TRF-4.

Fernando Collor anuncia pré-candidatura à Presidência da República


Ex-presidente da República e senador, Fernando Collor de Mello (PTC-AL) anunciou nesta sexta-feira (19) que pretende voltar ao cargo que ocupou entre 1990 e 1992, quando sofreu impeachment. Collor ofereceu seu nome ao PTC para disputar a sucessão de Michel Temer (PMDB) nas eleições de 2018.

“Tenho uma vantagem em relação a alguns candidatos porque já presidi o país. Meu partido, todos conhecem. Todos sabem o modo como eu penso e ajo para atingir os objetivos que a população deseja para a melhoria de sua qualidade de vida”, afirmou o senador, durante uma entrevista à rádio Gazeta FM, de Arapiraca (AL), que pertence às organizações Arnon de Mello, empresa da sua família.

O partido de Collor que “todos conhecem” é o nanico Partido Trabalhista Cristão (PTC), que não tem deputados na Câmara e tem o alagoano como seu único senador. O PTC é o sucessor do finado Partido da Reconstrução Nacional (PRN), legenda pela qual Fernando Collor se elegeu presidente da República em 1989, quando derrotou Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno.

Ele pretende ocupar, como candidato, um “vácuo” que vê existir entre a “extrema esquerda”, representada por Lula, e a “extrema direita”, representada pelo deputado Jair Bolsonaro (que anunciou sua filiação ao PSL).

Apuarema: Com salários atrasados, professores protestam em frente à Prefeitura


Os professores da rede de ensino municipal de Apuarema realizaram na manhã desta sexta-feira (19), uma manifestação em frente ao prédio da Prefeitura local, contra os atrasos salariais da categoria.

A manifestação foi aprovada durante encontro da categoria realizado na última segunda-feira (15), com o objetivo de sensibilizar o prefeito Raival Pinheiro (PP) para o pagamento do mês de dezembro, que está em atraso e que, em alguns casos, ainda tem profissionais que estão sem receber a parcela do décimo terceiro.

“A atual gestão está tendo uma atitude ante-professores e de total falta de respeito, podendo até comprometer o ano letivo de 2018. Antes, utilizava o prazo máximo do 5º dia útil para efetuar o pagamento, nos últimos meses, ultrapassa esse prazo”, comentou uma docente em contato com nossa redação.

Pelo que pode ser notado, não é um tempo tão grande de atraso, mas talvez por conta do baixo valor recebido, e que para muitos já chega praticamente todo comprometido, e o resultado é a suspensão no crediário e em outros casos pagamentos de altos juros. Até a publicação dessa matéria, nossa reportagem não conseguiu contato com a Prefeitura de Apuarema para comentar a situação.

(Bahia em Dia) 

Ex-prefeito de Muritiba é preso novamente pela Operação Adsumus


O ex-prefeito de Muritiba, na Região Metropolitana de Salvador, Roque Isquem (PDT), foi preso preventivamente pela Operação Adsumus nesta quinta-feira (18). A operação desbaratou um esquema de desvios de verbas públicas em Santo Amaro, com ramificações em outas cidades do Recôncavo. Isquem é acusado de receber propina sobre contratos fraudulentos sobretudo para compra de material de construção e combustíveis, aluguel de máquinas e veículos, obras públicas nas áreas de educação e saúde e organização de eventos.

Isquem foi um dos alvos principais da 6ª fase da Adsumus, deflagrada no último dia 18 de dezembro, quando o ex-prefeito foi preso junto com mais quatro acusados. Entre os quais, o ex-prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado (PT) e o empresário Manoel de Andrade Barreto, que atua nos ramos da axé music e medicamentos. Três dias depois, Isquem e os outros dois tiveram a prisão provisória revogada pelo Tribunal de Justiça. Machado chegou a ter a preventiva decretada, mas vou livre por habeas corpus também concedido pela segunda instância judicial.

(Correio)

Valença: Ex-prefeito, empresário é sequestrado e bandidos pedem resgate


O empresário e ex-prefeito do município de Valença, Ramiro Campelo, foi alvo de um sequestro na manhã desta quinta-feira (18). De acordo com informações, por volta das 08:30hs, três indivíduos em um veículo HB20, de cor branca, levaram Campelo, quando saía de sua casa para o trabalho.

Quase duas horas após o sequestro, os bandidos entraram em contato com os familiares pedindo resgate. De acordo com informações do radialista Ciro Pimentel da Rádio Rio Uma FM, por questão de segurança, a família mantém sigilo do valor e busca acelerar as negociações, pois ele tem diabete e não pode ficar sem a medicação.

Muito conhecido na região, Ramiro Campelo que foi prefeito de Valença em duas oportunidades também é fundador do grupo que controla as Lojas Guaibim. A polícia está na residência do empresário e uma equipe da divisão anti-sequestro de Salvador já foi notificada.

Wenceslau Guimarães: Município tem surto de malária com uma morte e 7 casos confirmados


A cidade de Wenceslau Guimarães vive um surto de malária, com uma morte registrada e sete pessoas sendo tratadas com quadro confirmado da doença, segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab). De acordo com o órgão, a morte foi de um homem de 33 anos, ocorrida no dia 16 de janeiro.

A secretaria informou que as unidades de Vigilância Epidemiológica do Estado e do Município já foram acionadas. Ainda não é possível apontar se os pacientes foram contaminados na cidade ou se alguém contraiu a doença durante viagem. A Secretaria de Saúde ressaltou que classifica o cenário como “surto localizado” em Wenceslau Guimarães, sem haver registros da situação no restante do estado.

A malária é uma doença infecciosa causada pelo parasita Plasmodium. É transmitida pela picada do mosquito de gênero Anopheles ou por contato pelo sangue, como o compartilhamento de seringas. Os sintomas incluem mal-estar, calafrios, seguido de suor intenso e prostração. No caso do plasmodium do tipo falciparum, pode ocorrer uma grave anemia, potencialmente fatal.

(G1)