Pres. Tancredo Neves: Secretário de Saúde sofre acidente de carro na BR-101


O secretário de Saúde do município de Presidente Tancredo NevesRoberto Reis, sofreu um acidente de trânsito na BR-101, na manhã desta segunda-feira (10). O acidente ocorreu próximo ao Distrito de Moenda, em Presidente Tancredo Neves.

De acordo com informações, quando o secretário conduzia um veículo Chevrolet modelo Agile, acabou perdendo o controle da direção, saiu da pista, vindo a capotar em uma ribanceira às margens da rodovia. Roberto foi socorrido para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus, onde felizmente passa bem. (Bahia em Dia)

Ipiaú: Mulher morre após parto a caminho de Jequié; Direção do HGI divulga versão oficial


Foi sepultado na tarde deste domingo (02) o corpo de Lucia de Jesus Martins, 38 anos de idade, mãe de nove filhos. Em contato com a reportagem do IPIAÚ ON LINE, a família de Lúcia, que residia no final da Avenida Dois de Dezembro, em Ipiaú, contou que ela estava com trinta e três semanas de gravidez e que, ao procurar o Hospital Geral de Ipiaú (HGI) na sexta feira (31) com convulsões, teria sido orientada pelo médico de plantão a voltar para casa.

Ainda conforme o relato da família, no dia seguinte Lúcia teve convulsões mais fortes e, por volta das 18:30hs, foi transferida em ambulância do HGI para a Santa Casa de Misericórdia em Jequié. No meio do caminho, ocorreu o parto espontâneo da criança.

hgiipiau

Parentes disseram que o atraso na transferência para a cidade vizinha teria sido o fator que gerou forte hemorragia e consequente morte da parturiente.

A reportagem do IPIAÚ ON LINE entrou em contato com o diretor do HGI, João Henrique, que divulgou versão oficial a respeito do caso. De acordo com o coordenador, o hospital está com falta de anestesista e não dispõe de leito de UTI para realizar parto prematuro. “Mesmo assim ela foi atendida por um médico do hospital. Após o parto na ambulância, voltou para o HGI onde foram realizados os primeiros cuidados para que depois ela fosse transferida para a Santa Casa, onde ocorreu forte sangramento que a levou à óbito”, relatou (Ipiaú on Line)

Ipiaú: Família denuncia negligência médica após gestante dar à luz em pé


bebe-recen-nascido-ipiau-hgi (1)
                                    Foto: Giro Ipiaú

A família de uma gestante de 28 anos afirmou nesta quinta-feira (23) que a jovem deu à luz em pé e sem auxílio médico no município de Ipiaú. O caso teria acontecido nesta quarta, no Hospital Geral de Ipiaú, onde a paciente deu entrada por volta de 5h. “O médico chegou umas 10h30 da manhã. Ela ficou de 5h da manhã até 10h30 sendo acompanhada apenas pelas enfermeiras. Quando foi perto das 11h, o médico chegou no quarto. Ele olhou a paciente, fez o toque e disse que ela já estava toda dilatada e que só dependia dela para a criança nascer, mas ela falou que não tinha mais força, pois já estava sofrendo dores desde a noite anterior”, contou Simara Messias Barbosa, sogra da paciente, ao site Giro em Ipiaú. A gestante teria suplicado que o médico fizesse algo, mas ele apenas ordenou que a paciente fosse colocada no balão de oxigênio para que o parto fosse normal. Ela contou ainda que o bebê sofreu uma série de convulsões. O recém-nascido será transferido para uma unidade médica especializada em atendimento à gestante e recém-nascidos em Jequié. O diretor do hospital, João Henrique, informou que os procedimentos tomados pelo médico plantonista foi em conformidade com as regras do Ministério da Saúde. “Ela [a paciente] já chegou ao hospital querendo fazer o parto cesáreo, só que o Ministério da Saúde preconiza que só pode fazer parto cesário depois de vários itens, e ela não tinha esses itens, foi tanto que ela fez um parto normal e de uma forma muito fácil, foi até uma coisa rápida”, disse. Ainda segundo ele, será aberta uma sindicância para apurar a denúncia de negligência. (BN)