Gandu: Morre a professora Branca Vidal, aos 56 anos, em decorrência da Covid-19

A ganduense e professora Adeildes Vidal de Souza morreu na manhã dessa quarta-feira (28), aos 56 anos, em decorrência da Covid-19. Branca Vidal, como era mais conhecida, estava internada desde o início desse mês de julho em uma unidade hospitalar de Salvador.

Branca trabalha há muitos anos na Escola Municipal Elódia Velloso de Souza, localizada no Loteamento Francisco Teotônio Calheira. Ela deixa esposo e duas filhas.

Em nota, a Prefeitura de Gandu lamenta profundamente a morte da educadora e cancelou uma live, que seria apresentada pela Secretaria Municipal da Educação em homenagem aos 63 anos de Emancipação Política do município. A nota ainda informa que, diante da fatalidade, foi decretado luto oficial de três dias no município e suspensão, nesta quinta-feira (29), de todas as atividades escolares.

(Bahia em Dia)

Siga o Bahia em Dia nas redes sociais  Instagram: https://www.instagram.com/bahia_em_dia/