Ibirapitanga: Câmara derruba parecer do TCM e aprova contas do prefeito Isravan

A Câmara Municipal de Ibirapitanga em sessão realizada na noite desta segunda-feira (02), derrubou o Parecer do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) determinando a desaprovação das contas do prefeito Isravan Barcelos (PSD), relativas ao exercício administrativo de 2016, o último ano de seu primeiro mandato a frente da Prefeitura.

Os oito vereadores que expressaram posição contraria ao parecer do TCM e aprovaram as contas do prefeito, foram; Paulinho de Ravan (PSD), Marlene de Jalmir (PCdoB), Eliene de Buck (DEM), Xalita do Bairro Novo (PSL), Everaldo dos Gatos (DEM), Vanda Barcelos (PSD), Cosmiinho Kombeiro (PMDB), Hebert de Dore (PMDB).

Alegando não terem espaço para explicarem seus votos, os três vereadores Guilardo (PP), Ivan Come Sapo (DEM) e Nego de Antônio Máximo (DEM), abstiveram de votar.

Com a decisão da Câmara Municipal, Isravan continuando apto a elegibilidade política, como determina a lei da ficha limpa. Segundo a legislação brasileira, é das câmaras municipais a competência para votar contas anuais de governo, de responsabilidade dos chefes do poder executivo municipal.

(Bahia em Dia)