Gandu: Alice Portugal não comparece ao município após ficar de fora da lista do voo com deputados


Nesta sexta-feira o governador Rui Costa (PT) esteve visitando o município de Gandu e foi recepcionado pelo prefeito Léo de Neco (PP). A oposição no município ficou em uma situação delicada, sobretudo o PCdoB. A deputada Alice Portugal (PCdoB) estava sendo esperada no município pela cúpula do PCdoB, partido que governou a cidade de 2009 a 2016. Mas ela não compareceu na cidade, e usou o grupo de zap do partido na cidade para esclarecer. Alice informou que seu nome não estava na lista no voo particular que saiu de Salvador com os deputados. O esquecimento do nome de Alice foi motivo de piada na cidade.

(Políticos do Sul da Bahia)

Itagi: Bandidos renderam idoso e trabalhadores e roubaram mais de R$ 80 mil


Um idoso de 64 anos, e seus trabalhadores que não tiveram seus nomes revelados ficaram sob a mira de bandidos por mais de uma hora em Itagi nesta manhã de sexta-feira (06), por volta das 05:20min. Na ação, os criminosos levaram R$ 82,720 mil. Segundo informações da polícia, o bando formado por três elementos armados invadiu a casa de Olival da Banana como é conhecido e fizeram todos reféns. Enquanto um dos criminosos fazia ameaças, os comparsas reviravam cômodos da casa. Após subtrair todo o dinheiro do idoso que ficou amarrado os bandidos fugiram em um veículo modelo Strada de cor vermelha de placa desconhecida. O crime ocorreu no bairro Ouro Verde, Centro. Nenhum suspeito foi preso até o momento. As investigações são feitas pela Coordenadoria de Polícia Civil de Itagi.

(Jitaúna em Dia)

Gandu é a terceira cidade a receber o projeto Escolas Culturais


Gandu, no Baixo Sul baiano, é a terceira cidade do interior a receber o projeto Escolas Culturais, implantado na tarde desta sexta-feira (6), no Centro Territorial de Educação Profissional do Baixo Sul (Cetep Baixo Sul), durante visita do governador Rui Costa. O objetivo da iniciativa é incentivar o acesso da população baiana aos projetos artísticos culturais estruturantes que as escolas desenvolvem, estimulando o protagonismo estudantil. “Esse projeto transforma cada escola do estado em equipamento cultural não somente para alunos da rede municipal e estadual, mas para toda a população. Que o espaço da escola abra as portas para receber corais, peças de teatro e muitas manifestações artísticas. Vamos transformar os auditórios em salas de cinema e transformar a realidade das cidades que terão as escolas culturais”, afirmou Rui.
O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, enfatizou que o projeto Escolas Culturais promove a integração do Ensino Médio Regular com a Educação Profissional e Tecnológica, e reconhecem a escola como um espaço que deve estar aberto à comunidade e, principalmente, impulsiona a arte, a cultura, a inovação e o empreendedorismo. “A grande ideia do governador Rui Costa foi colocar a escola indo, recebendo e abraçando a comunidade, pois a arte está nas nossas escolas e é esta arte que a gente faz a associação com a Matemática, com a Ciência, com a Fábrica- Escola e vai quebrando resistência, fazendo a leitura do que acontece em cada canto”, destacou Pinheiro.
O governador Rui Costa acrescentou que, “até dezembro, implantaremos esse projeto em 54 escolas, em 54 municípios. Gandu é a terceira cidade a receber essa iniciativa e estamos muito felizes de trazer o projeto para o Baixo Sul”. O projeto é resultado de parceria entre as secretarias da Educação, de Cultura (Secult), de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS) e Casa Civil.  Antes de implantar o projeto no município, Rui inaugurou a Fábrica Escola do Cacau e do Chocolate, primeira unidade do tipo na Bahia, também no Cetep Baixo Sul. Ainda em Gandu, ele celebrou convênio do projeto Bahia Produtiva, no setor de fruticultura – cacau e chocolate, entregou caminhão para Associação de Desenvolvimento do Baixo Sul e anunciou as obras de recuperação da BA-120, entre Gandu e Ibirataia.

Ipiaú: PM prende suspeito de tráfico de drogas e apreende adolescente e drogas


Policiais Militares da CIPE Central em conjunto com o PETO da 55ª CIPM detiveram duas pessoas no final da manhã desta sexta-feira (06). Após uma denúncia anônima os militares apreenderam uma adolescente de 17 anos com cerca de meio quilo de maconha na Rua da Granja e em seguida prenderam Cláudio Santos Nunes de 33 anos no bairro Irmã Dulce com cerca de 2kg de maconha e uma balança de precisão. A droga de Cláudio estava escondida no quintal de sua residência. Ele e a adolescente foram apresentados no Complexo Policial de Ipiaú, ficando sob a responsabilidade da autoridade competente.

(Ocorrência Policial)

Gandu: Mototaxista é morto com golpes de facão e tiros no Bairro Renovação 1


Na manhã desta quinta-feira (05), por volta das 08hs, um jovem identificado como “Fal”, mais conhecido como “Fal Mototaxista”, e irmão de Miguel do Botijão, foi assassinado a tiros e golpes de facão no Bairro Renovação 1.

Populares acharam o corpo e acionaram a PM. Ainda não há informações sobre as circunstâncias, motivação, ou se há mais de uma pessoa envolvida no crime. O corpo da vítima foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) de Valença. A Polícia Civil esteve no local e irá investigar o caso.

(Sul Bahia1)

Dário Meira: Jovem é preso e quatro armas são apreendidas em operação policial


Um jovem de 20 anos foi preso e três revólveres, 01 pistola calibre 9mm, munições, uma porção de maconha, 01 balança de precisão e material para embalar drogas, foram apreendidos na manhã desta quinta-feira (05), em Dário Meira. O jovem identificado como Vitor Pereira foi preso em flagrante durante uma operação realizada por policiais civis do SI/Regional e da delegacia de Itagibá, comandados pela DPC Grazziele Quaresma, com o apoio do coordenador da 9ª Coorpin, Dr. Fabiano Aurich.

De acordo com a policia, as apreensões ocorreram no centro da cidade e numa fazenda de propriedade do pai do Vitor. O jovem está sendo investigado por um possível envolvimento com alguma quadrilha ou facção criminosa. Vitor e todo material apreendido foram encaminhados e apresentados na delegacia de Itagibá.

(Bahia em Dia)

Vereador de Ibirataia sofre acidente de carro na BR-330, próximo a Ipiaú


O vereador do município de Ibirataia, Raví Machado (PP), sofreu um acidente automobilístico na manhã desta quinta-feira (05) na BR-330, trecho Ipiaú/Jitaúna. O acidente foi registrado por volta 7:40hs, nas imediações da Curva do Engenho, próximo ao município de Ipiaú.

As informações dão conta que o vereador conduzia um veículo Chevrolet, modelo spin, placa OVA-9544, e seguia com destino a Jequié, quando teria perdido o controle do carro e saído da pista, vindo a capotar numa ribanceira, parando com as rodas para cima. Raví sofreu algumas escoriações leves e foi socorrido por populares.

(Bahia em Dia)

Itagi: Contas do Vereador e Ex-Presidente da Câmara Renan Miranda foram aprovadas com ressalvas


Em sessão desta terça-feira (03), o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) considerou regulares, com ressalvas, as contas de gestão do ex-presidente da Câmara de Vereadores de Itagi, no exercício de 2016, Renan Ricardo Miranda Ferreira (PT).

Renan Miranda foi punido com multa de R$1 mil e terá que ressarcir aos cofres municipais a quantia de R$34.167,76, sendo R$31.667,76 oriundo da ausência de comprovação de despesa no adimplemento de obrigações junto ao INSS e R$2.500,00 pelo não encaminhamento de processo de pagamento ao TCM. Da decisão cabem recurso.

(Bahia em Dia)

Gongogi: Prefeitura gastará quase R$ 2 milhões com combustível este ano


A festança de combustíveis na administração municipal de Gongogi está superando o programa do apresentador Silvio Santos. O município firmou um contrato com a empresa GONGOGI DERIVADOS DE PETROLEO LTDA, que fica situado na mesma cidade, no mês de fevereiro deste ano. Mesmo com a frota pequena de veículos, o prefeito Edvaldo dos Santos (PR), o Kaçulo, gastará um valor exorbitante com combustíveis neste primeiro ano de mandato. O contrato publicado no Diário Oficial do Municipio de 15/03/2017, pagará a empresa licitada o valor milionário de R$ 1.669.009,00 (Um milhão seiscentos e sessenta e nove mil e nove reais) e terá vigência até o final do ano de 2017 (Veja o contrato nas páginas de 05 a 08 do Diário Oficial).
Apesar de ter uma população de pouco mais de sete mil habitantes, os gastos com combustíveis pela Prefeitura de Gongogi é maior do que as mesmas despesas de Ubatã, seu município vizinho, que conta com mais de 27.000 habitantes segundo o último censo do IBGE e gastará apenas 1.323.639,24, numa diferença alarmante de trezentos mil reais a menos do que o Governo em boas mãos. O fato já virou “chacota” nas redes sociais e os populares não compreendem o motivo que levou o prefeito Kaçulo contrair essa despesa, uma vez que, segundo o mesmo, a campanha eleitoral não teve nenhum gasto. Caso fosse bem distribuída, a verba beneficiaria a população com mais ações do poder público. “Ele deveria cortar gastos em vez de demitir pais e mães de familias e sacrificar salários de trabalhadores”, desabafa um munícipe no Watsapp.
As averiguações precisam ser feitas para por fim nessas contratações milionárias em que o município vêm bancando com combustíveis, mas infelizmente, o caso dessa farra está embaixo do tapete porque os vereadores dizem “Amém” ao gestor.
(Portal Gongogi)

Ibirataia: Câmara aprova Novo Código Tributário sob vaias e protestos


Por seis votos a quatro (6X4), a Câmara Municipal de Ibirataia aprovou na manhã desta segunda-feira (02) em Sessão Extraordinária o Projeto de Lei de nº 157/2017 de origem do Poder Executivo que trata do Novo Código Tributário do Município. De acordo os vereadores Juca Muniz, Ronaldo Tinôco, Antonio Santos de Jesus (Peruca) e Marquinhos do Cacau, o PL precisava de maior análise por parte do legislativo, assim como, da comunidade por tratar de Projeto de Lei que irá onerar os cofres dos cidadãos, ou seja, necessitava um estudo mais preciso e detalhado da matéria.

              Ronaldo Tinôco, Peruca e Juca Muniz

Juca Muniz disse ainda que o referido Projeto envolve uma série de tributos, a exemplo de IPTU, Taxas da Vigilância Sanitária, Alvarás de Portas Abertas, Taxa de Iluminação Pública, entre outras. Em seus discursos os vereadores que se colocaram contrários à matéria, fizeram questão de argumentar que a comunidade teria de ser convocada e informada dos dados constantes do Projeto em questão. Os edis oposicionistas frisaram que embora seja anunciada uma crise pelo governo, as receitas municipais não caíram, ao contrário, teve alta em comparação ao exercício anterior.

Por sua vez, o vereador Ronaldo Tinôco fez questão de destacar voto contrário à matéria expondo sua convicção de que o diálogo com a comunidade e o acesso total ao teor do novo Código Tributário legitimaria a pretensão do executivo de fazer ajustes. Porém, discursou contrario à aumentos abusivos e avalia como arbitrária a votação apressada do tema, uma vez que nem os vereadores, nem a comunidade teve tempo suficiente para o estudo da nova lei. Por fim, o vereador Peruca lamentou o fato de não ter sido sequer notificado para a sessão, tendo conhecimento da mesma pelas redes sociais, lembrou que este fato nunca foi visto na Câmara de Vereadores, entendendo que o dia de hoje era um dia triste para a população ibirataense que vai sofrer ainda mais com a exacerbada carga tributária, ocasionado mais informalidade e aumento do desemprego.

       Marquinhos do Cacau também votou contra o PL

O Vereador Marcos Vinícius, o “Marquinhos do Cacau”, também votou contra o Projeto de Lei do Código Tributário, justificando assim como os demais edis que votaram contra, que a matéria deveria ser apreciada com o conhecimento da comunidade por se tratar de um projeto que irá mexer com as finanças das famílias num momento de crise que o município, estado e país atravessa.

Logo após a votação e aprovação da matéria, o público presente se indignou protestando debaixo de gritaria e vaias aos vereadores que aprovaram a matéria. Foi um clima bastante tenso e revoltante. Com o pretexto de aliviar o clima do plenário, foi proposto a queima roupa de forma verbal, uma emenda que isentou do IPTU aos beneficiários do Programa Bolsa Família. Votaram a favor do Projeto: Charles Mosquito (PMDB), Ravi Machado (PP), Manoel da Ambulância (PTN), Chafick Luedy (DEM), Bira da Topik (PCdoB) e Toi de Berenga (DEM). A matéria segue para sanção ou veto da prefeita Ana Cléia Leal.

(Tesouras Notícias)