Sexta, 14 de Junho de 2024
(73) 9 9808-0765
Polícia Polícia

Suspeito de sequestros, assaltos e homicídios morre em confronto com a PM na zona rural de Ibirapitanga

O suspeito e um comparsa, que conseguiu fugir, estavam numa motocicleta pertencente a um morador de Ubatã, roubada horas antes no município de Gongogi

22/05/2024 16h22 Atualizada há 3 semanas
Por: Redação Fonte: Ubatã Notícias
Foto: Ubatã Notícias
Foto: Ubatã Notícias

Um homem identificado Nelson José dos Santos Neto, vulgo Nelsinho, morreu em confronto com policiais militares do PETO da 61ª CIPM durante ação conjunta com a FICCO realizada na manhã desta quarta-feira (22), numa região próxima à Usina de Funil, zona rural do município de Ibirapitanga, no sul da Bahia.

A operação visa coibir a atuação de quadrilhas especializadas em tráfico de drogas, homicídios e sequestros relâmpagos na região. Conforme informou a PM, Nelsinho e um comparsa atiraram contra guarnições policiais. Houve revide e Nelsinho acabou alvejado. O comparsa acabou fugindo. A dupla estava numa motocicleta, pertencente a um morador de Ubatã, roubada horas antes no município de Gongogi.

Nelsinho foi socorrido ao Hospital César Monteiro Pirajá, em Ubatã, onde foi constatado o óbito. Ele é apontado, segundo a PM, de ser autor de uma tentativa de homicídio ocorrida em Gongogi no último final de semana, de pelo menos 03 assassinatos ainda em Gongogi nos últimos anos e de um homicídio contra um cigano em Brasília, capital brasileira. 

Além de um aparelho celular pertencente à vítima do roubo da motocicleta, um revólver calibre 38 e munições foram apreendidos com o Nelsinho, que ainda era suspeito de atuar como pistoleiro e tinha mandado de prisão em aberto por homicídio. Receba as principais notícias direto no WhatsApp! Siga o canal  Rede Bahia em Dia

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.